Novas regras no futebol

Novas regras no futebol

A partir desta temporada as regras da modalidade vão ser alteradas e estas começam já a contar a partir do jogo da Supertaça no dia 4 de agosto, no Estádio do Algarve. 

ana-gomes
Ana Gomes

As alterações foram propostas pelo International Board (IFAB) e vão incidir mais sobre as substituições e sanções. No primeiro caso, aquando da troca de jogadores em campo, o que sai, vai ter que o fazer pela linha mais próxima.

Também as sanções no banco de suplentes vão ser mais rígidas. Agora os árbitros vão conseguir castigar os elementos sem os expulsar de imediato. Vão ser atribuídos cartões amarelos e vermelhos, de acordo com a gravidade. Caso não seja possível identificar o elemento em causa, é o treinador principal que assume o castigo.

A interferência do árbitro num lance de jogo foi revista e caso o juiz toque na bola, tem que parar o jogo e dá-la à equipa que a tinha em posse. 

Cada vez que a bola é posta em jogo através de pontapé de baliza, esta não vai precisar de sair da grande área para um jogador a poder receber.

A situação que mais escândalo provoca no mundo do futebol também vai sofrer alterações. As mãos na bola vão ser divididas em dois parâmetros: a deliberada e a involuntariamente. Na primeira o castigo é aplicado quando o jogador tem o braço longe do corpo ou quando a bola toca no braço quando este está acima dos ombros. No outro caso, caso o jogador esteja numa "posição natural", este não deve ser castigado. 

Neste caso existe ainda a diferença que é feita entre o defesa e o avançado. Quando é o defesa a tocar com a mão na bola num lance de golo, este deve ser validado, se for um avançado, deve ser anulado. 

VAVEL Logo