Sérgio Conceição: "Conscientes das dificuldades, mas muito confiantes"

O técnico portista fez esta terça-feira, juntamente com Marcano, a antevisão do encontro frente ao Liverpool a contar para a primeira mão dos oitavos de final da Liga dos Campeões

Sérgio Conceição: "Conscientes das dificuldades, mas muito confiantes"
Sérgio Conceição mostrou-se confiante antes do jogo frente ao Liverpool a contar para a Liga dos Campeões

    Na conferência de imprensa que antecede o embate entre dragões e reds, o treinador do Futebol Clube do Porto demonstrou-se confiante mesmo sabendo do poderio do atual terceiro classificado da Liga Inglesa. “Estamos conscientes das dificuldades, mas confiantes nos jogadores que temos. Os testes semanais do Liverpool são um pouco mais exigentes que os meus em Portugal, isto sem faltar ao respeito aos clubes nacionais, pois os pontos são muito caros em Portugal. É um nível competitivo diferente do nosso, com todo o respeito pelo campeonato português.

    Quando questionado sobre as diferenças dos orçamentos das duas equipas, o treinador português respondeu de forma relutante. “Não olhamos para essas situações, mas sim para dentro. Vamos defrontar uma equipa extremamente forte, com orçamento de mais de 200 milhões de euros, mas não falo disso quando enfrento outras equipas em Portugal, penso que não é isto. Os jogadores dão-me confiança de que é possível passar a eliminatória”, concluiu Sérgio Conceição que sem revelar o plano que tem para levar de vencida a equipa inglesa, afirmou que a vitória estará mais perto se a equipa portista conseguir ter uma boa consistência defensiva, evitando assim sofrer golos em casa.

    Durante a conferência de imprensa, o treinador do Porto foi também questionado sobre a implementação de uma estratégia parecida com a que o técnico português Carlos Carvalhal utilizou recentemente para parar a equipa de Liverpool. Sérgio Conceição não tem dúvidas: não há jogos iguais. “Aproveito para dar os parabéns ao Carvalhal, que tem feito um bom trajeto, assim como o Nuno Espírito Santo. Têm passado uma boa imagem do treinador português. São jogos completamente diferentes, é um jogo da Liga dos Campeões, em que o ambiente, a atmosfera, são completamente diferentes de um jogo de campeonato. Este é um jogo e um contexto completamente diferente.

    Em relação às ausências da equipa azul e branca, Conceição confirmou, “É difícil Aboubakar jogar”. O goleador camaronês junta-se assim ao médio Danilo como uma importante baixa na equipa portuguesa. Em sentido contrário e como principal candidato para substituir o central Felipe que se encontra castigado para este jogo, está Ivan Marcano, que se sentou ao lado do seu treinador na conferência de imprensa de antevisão. Apesar de estar completamente recuperado, o central espanhol afirma que é “o mister quem decide quem joga.

O Liverpool conta já com 94 golos e o Porto tem sofrido poucos, sendo que foi colocada ao central a questão de que se os dragões tinham melhor defesa que o poderoso ataque dos ingleses. Marcano respondeu. “Não creio que as duas coisas tenham a ver uma com a outra. São competições diferentes com equipas diferentes. Eles têm um grande ataque e nós temos demonstrado que temos uma excelente equipa.”

    Por fim, o central espanhol revelou também que “o campeonato é super-importante, mas esta é a maior competição a nível europeu e queremos ir longe.

    O início do jogo está marcado para as 19:45h desta quarta feira no Estádio do Dragão e terá como árbitro principal o italiano Daniele Orsato.