«Pepe é pago para jogar e não parar andar à cabeçada», diz Costinha

«Pepe é pago para jogar e não parar andar à cabeçada», diz Costinha

Costinha censurou o comportamento do central luso-brasileiro, expulso na partida contra a Alemanha. O antigo internacional português sublinhou que o insensato acto de Pepe prejudicou as aspirações de Portugal.

vavel
VAVEL

Palavras críticas por parte do antigo internacional português Costinha em relação ao comportamento de Pepe, expulso por um vermelho directo na estreia lusa, depois de cabecear Muller. «O Pepe é pago para jogar e não para andar à cabeçada», atirou o antigo director desportivo do Sporting, em declarações à RTP1.

Costinha, que enquanto treinador orientou o Beira-Mar e o Paços de Ferreira (do qual foi despedido na temporada transacta, poucos meses depois de ser contratado), explicou com contundência a obrigação de Pepe no dito lance: «Pepe ganhou o lance e o que tinha de fazer era continuar a jogar, deixando Muller no chão».

A perder por dois golos, o acto irreflectido de Pepe foi a machadada final nas aspirações portuguesas, que simplesmente foram aniquiladas com o cartão vermelho dado pelo juiz da partida. Aos 37 minutos, perdendo por 2-0 e reduzidos a dez unidades, Portugal arriscou-se a ser castigado de uma forma ainda mais humilhante - a desaceleração germânica foi 'amiga' de Bento e companhia. 

«Estamos a perder 2-0 e Pepe tem de se preocupar em ganhar o jogo e não em tirar satisfações, porque o jogador alemão já não tinha a bola», justificou Costinha. 

Cadastro de Pepe não deixa espaço para surpresas

Todos são conhecedores da reputação que Pepe possui: agressivo sobremaneira, volátil, mentalmente instável, tendo chegado já a ultrapassar todos os limites - de relembrar a agressão bárbara a Javier Casquero, num duelo entre Real Madrid e Getafe, em 2009.

Pepe, apelidado de 'El Carnicero' no país vizinho, é repetente em situações de indisciplina. Depois da expulsão de ontem, Pepe deverá falhar, no mínimo, a partida contra os EUA. «Não vou falar com vocês, falem com o árbitro» atirou o central na zona mista.

VAVEL Logo