Qualificação Euro 2016: Dinamarca x Portugal

Qualificação Euro 2016: Dinamarca x Portugal

vavel
VAVEL
Live LoaderVAVEL Live SmallLive Match

APITO FINAL

90+6. Fim do jogo, vitória lusa arrancada a ferros, com um golo ao cair do pano. Ronaldo foi valioso no lance decisivo, assim como Quaresma, que cruzou com conta peso e medida para proporcionar o golo do triunfo português em Copenhaga.

90+5'. Goooooloooooo de Portugal!!! Cruzamento de Quaresma e Ronaldo, nas alturas, a empurrar a bola para a baliza, golo fatídico que gela Copenhaga!!!

90+2'. Livre perigoso a favorecer a Dinamarca, punindo falta de Cristiano Ronaldo sobre Hojbjerg. O remate, a 35 metros, saiu muito por cima da baliza.

90+1'. Cartão amarelo para Ronaldo.

85'. Jogo fenomenal de Ricardo Carvalho.

84'. Substituição na formação da Dinamarca: Entra Kahlenberg e sai Eriksen.

84'. Substituição na formação de Portugal: Entra Quaresma e sai Tiago.

83'. Poulsen faz um cruzamento para a área lusa, Eriksen cabeceia a bola mas esta morre pela linha final, Patrício não ficou impressionado.

77'. Cristiano Ronaldo rematou à meia-volta, mas a bola saiu, inofensiva, pela linha final: noite desinspirada de Ronaldo em termos de finalização.

76'. Substituição na formação de Portugal: Entra Éder e sai Danny.

72'. Corte exemplar de Ricardo Carvalho, canto para a Dinamarca.

71'. Jacobsen, bem posicionado, tirou o pão da boca de Ronaldo, que estava pronto para atacar a bola e cabecear para golo depois de centro de Cédric: canto para Portugal.

68'. Substituição na formação de Portugal: Entra João Mário e sai Nani.

66'. Centro venenoso de Krohn-Dehli...a bola encaminhava-se para o primeiro poste mas Patrício estava bem atento e mergulhou para agarrar a bola!

62'. Pepe dobrou o lateral e cortou o lance desenvolvido pelo talentoso Hojbjerg.

58'. Substituição na formação da Dinamarca: Entra Poulsen e sai Boilesen.

58'. Boilesen sai de maca, não parece estar em condições prosseguir em campo.

56'. Boilesen fica deitado no relvado, lesionado pelo alívio de Agger: a bola embateu com violência na cabeça do jogador do Ajax.

54'. Eliseu remata mas a bola sai imensamente distante, má decisão do lateral.

51'. Grande perdida inacreditável de Ronaldo, espectacular defesa de Schmeichel, ganhou o duelo a Ronaldo, o avançado luso estava totalmente isolado depois do passe de Moutinho...que falhanço!

46'. Prossegue a partida, bola para os dinamarqueses.

46'. Substituição na formação da Dinamarca: Entra Bech e sai Vibe.

SEGUNDO TEMPO

20:39. Boa entrada de Portugal na partida, com Ronaldo solto a tentar marcar mas também assistir colegas. O meio-campo luso entrou com força e pressão, fechando a progressão da Dinamarca. Mas, à passagem da meia-hora, os locais subiram de rendimento e começaram a empurrar Portugal para trás. A maior oportunidade de golo foi de Krohn-Dehli - a bola foi devolvida pelo poste.

INTERVALO

45'. Intervalo no Parken Stadium, 0-0 persiste, com a Dinamarca a equilibrar as operações da partida a partir dos últimos 15 minutos.

43'. Vibe quase marcava, rematou à meia volta depois de ter sido assistido pelo flanco direito. Rui Patrício lançou-se à bola e amarrou-a.

39'. Boilesen faz um corte fulcral, esticou a perna e interceptou o passe potencialmente mortífero de Danny para Ronaldo!

38'. Sobe de forma a Dinamarca, desce no terreno Portugal.

34'. Eriksen assiste com primor Krohn-Dehli, este remata em arco...a bola beija o poste, que sorte para Portuga!

33'. Cédric executa um bom corte na zona central do meio-campo luso, impedindo Eriksen de progredir.

31'. Contra-ataque luso, Danny virou o jogo para o miolo, Ronaldo tocou para a entrada de Cédric: este centrou mas Danny cabeceou de modo deficiente...sem perigo.

28'. Moutinho tem mostrado bom ritmo competitivo, boa genica e elevado nível de pressão: muitas recuperações de bola e cortes feitos a meio-campo.

26'. Ronaldo furou pela quina da área, fintou um oponente e centrou para Nani...este cabeceou, mas a bola rasou a barra, Portugal muito perto de marcar o primeiro golo!

24'. Nani ganhou o flanco, tentou colocar a bola na área mas o passe rasteiro foi interceptado pela defensiva dinamarquesa, canto para Portugal.

21'. Cristiano Ronaldo remata sem oposição mas a bola sai tremendamente desviada, mau remate do capitão.

20'. Segundo falta ofensiva de Bendtner, agora sobre Pepe.

16'. Ronaldo pega na bola e vê a Dinamarca descompensada...corre e tenta o remate cruzado...a bola sai para fora, a metro e meio do poste dinamarquês!

14'. Bom pressing de Nani, corre desalmadamente na tentativa de roubar a bola ao meio-campo dos escandinavos. Bom trabalho de Nani.

13'. Grande combinação entre Nani e Ronaldo...tiro do jogador do Sporting...defende com calma Schmeichel...a bola foi à sua figura!

7'. Ronaldo coloca a Dinamarca em sentido! Remate de golo que Danny não soube depois emendar...

1'. Livre perigoso para a Dinamarca, cuidado Portugal...

APITO INICIAL

19:10. De recordar que, por coincidência, Fernando Santos irá estrear-se em jogos oficiais pela selecção tal como Paulo Bento o fez: contra a selecção da Dinamarca. Paulo Bento enfrentou e bateu a Dinamarca por 3-1, em 2010.

18:55. FORMAÇÃO INICIAL DA DINAMARCA: Schmeichel, Kjaer, Agger, Boilesen, Jacobsen, Kvist, Hojbjerg, Eriksen, Vibe, Krohn-Dehli, Bendtner

18:50. Surpresa no onze luso, com Ricardo Carvalho a saltar para a titularidade, relegando Bruno Alves para o banco.

18:50. FORMAÇÃO INICIAL DE PORTUGAL: Patrício, Eliseu, Cédric, Ricardo Carvalho, Pepe, William Carvalho, Tiago, Moutinho, Nani, Danny, Cristiano Ronaldo

18:15. Onzes prováveis:

18:05. Fernando Santos garantiu que a selecção está preparada para o desafio, apesar do pouco tempo de trabalho do seleccionador com o seu novo plantel nacional: «Espero um jogo forte, entre duas boas equipas e onde vamos ter muito respeito pela Dinamarca, que é uma equipa fortíssima, mas acredito nas nossas capacidades. Estão três pontos em disputa e queremos esses três pontos», afirmou, na antevisão. O seleccionador vai afinal estar no banco, devido à suspensão temporária do seu castigo.

Fernando Santos estará no banco (Foto: Getty Images)

17:50. «Este é um adversário tradicionalmente difícil. Mas julgo que estamos em condições de fazer um bom jogo», comentou aos jornalistas, escusando-se, porém, a tecer comparações com o particular frente à França, uma vez que este encontro «é diferente», comentou João Vieira Pinto, director da FPF, enfatizando a necessidade de ganhar a partida: «Sem dúvida, a vontade em ganhar e voltar aos bons resultados é muita. Depois da Albânia, temos que começar a fazer pontos».

17:10. A última vez que se defrontaram, Portugal bateu a Dinamarca, no Euro 2012, golos de Pepe, Hélder Postiga e Varela contra dois tentos de Bendtner. De ressalvar a veia goleadora do avançado do Wolfsburgo: nas últimas 6 partidas contra Portugal, Bendtner marcou 6 golos - é uma séria ameaça para a defesa lusitana.

17:00. Portugal e Dinamarca defrontaram-se na qualificação para o Mundial 2010 e no Euro 2012: os dinamarqueses bateram Portugal 2-3 em 2008, com golos de Bendtner, Poulsen e Jensen contra tentos de Nani e Deco; no Parken, na segunda volta, Portugal empatou 1-1, com um golo de Liédson contra outro de Bendtner. Em 2011, a Dinamarca viria novamente a vencer Portugal, por 2-1, com golos de Dehli e Bendtner. Antes já Portugal batera a Dinamarca, por 3-1, no Dragão, com golos de Nani (2) e Cristiano Ronaldo.

16:45. A maior goleada registada entre as duas selecções foi em 1971, na fase de apuramento para o Euro 1972: Portugal cilindrou por completo a Dinamarca com um 5-0 histórico. No Estádio das Antas, os golos foram marcados Rui Rodrigues, Eusébio, Vitor Baptista (2) e Erik Sandvad na própria baliza. Outro resultado expressivo deu-se no país escandinavo: 2-4 a favor de Portugal, golos de Rui Jordão, Nené, Manuel Fernandes e Octávio Machado, no apuramento para o Mundial de 1978. Também a Dinamarca bateu Portugal pelos mesmos 4-2, em 2006, num amigável.

16:30. No histórico de confrontos entre Dinamarca e Portugal, realizaram-se até agora 14 partidas: Portugal domina a balança com 9 triunfos, a Dinamarca venceu três encontros. Apenas se registaram dois empates entre as duas selecções, ambos pelo resultado de 1-1 e em jogos «a doer» (no Euro 1996 e na qualificação para o Mundial 2010). Das 14 partidas, 4 foram de carácter amigável (1966, 1995, 2000 e 2006, Portugal venceu os primeiros três e a Dinamarca venceu em 2006).

16:20. A Dinamarca, orientada por Morten Olsen, tem no seu onze alguns jogadores de categoria elevada, nomes reputados do futebol internacional: Simon Kjaer, central de referência que actua no Lille; Michael Krohn-Dehli, médio do Celta de Vigo; Nicklas Bendtner, avançado possante do Wolfsburgo; em termos de jogadores em ascensão na panorama futebolístico, temos: Nicolai Boilesen, defesa de 22 anos do Ajax, Christian Eriksen, médio brilhante de 24 anos, do Tottenham e Pierre-Emile Hojbjerg, benjamim de apenas 19 anos, do Bayern.

16:05. Cédric Soares, lateral direito do Sporting, foi outro dos destaques, já que o jovem de 23 anos estreou-se pela selecção A de Portugal, actuando na faixa direita. O lateral revelou a natural inexperiência da sua juventude, mas deverá manter a confiança de Fernando Santos, assim como o seu colega de posição, Eliseu, defesa esquerdo do Benfica. Facto relevante: Portugal chegou a ter 6 jogadores formados no Sporting em campo, no Stade de France: Rui Patrício, Cédric, William Carvalho, João Moutinho, Nani e Cristiano Ronaldo.

15:55. O grande destaque foi todo para a total estreia do jovem promissor do Sporting, João Mário. O médio de ataque realizou a sua primeira internacionalização, entrou na segunda parte e foi capaz de agitar as águas: dono de um controlo de bola aprimorado, rápido, pleno de ímpeto desequilibrador, João Mário ganhou a grande penalidade que Quaresma viria depois a concretizar - especula-se até que o jogador, de 21 anos, poderá ser titular diante da Dinamarca, na vez de Danny.

15:45. Tiago também voltou a representar a selecção portuguesa, saltando directamente para o onze titular. O médio experiente, que actua no Atlético Madrid, mereceu a confiança do seleccionador. Ricardo Quaresma foi outro dos regressos: o extremo do FC Porto foi aposta de Fernando Santos e até marcou um golo no passado Sábado, batendo Mandanda a partir da marca de grande penalidade. Também Eliseu voltou a vestir a camisa das quinas - a sua exibição foi bastante criticada.

15:35. Ricardo Carvalho (76 internacionalizações) logrou voltar a envergar a camisola de Portugal, três anos depois de se ter desligado da selecção, na sequêcia de uma querela profissional com Paulo Bento - Carvalho serviu um ano de suspensão devido à sua indisciplina mas Bento prolongou indefinitivamente o castigo; com Fernando Santos, esse castigo foi levantado e o central do Mónaco regressou à selecção e até entrou, na segunda parte, para fazer parelha com Pepe. Tal dupla poderá reeditar-se hoje, em Copenhaga.

15:30. A selecção das quinas estreou frente à França um novo sistema táctico, passando de um 4-3-3 da era de Paulo Bento para um 4-4-2 losango implementado por Fernando Santos: meio-campo em losango com Tiago a médio defensivo, André Gomes e João Moutinho como médios interiores, Danny como médio ofensivo centro e a dupla Nani/Cristiano Ronaldo na frente. Os primeiros 20 minutos da actuação de Portugal foram fracos (pouca pressão e mau posicionamento) mas a segunda parte mereceu elogios da crítica nacional.

15:25. A Dinamarca já conta com dois jogos na fase de Qualificação para o Euro 2016, tendo acumulado 4 pontos. No primeiro encontro, a selecção dinamarquesa venceu a modesta Arménia, por 2-1, em solo escandinavo. Os golos foram apontados por Pierre-Emile Hjobjerg e Thomas Kahlenberg. Na segunda partida, verificou-se um empate (no passado fim-de-semana) 1-1 diante da Albânia: a formação da casa esteve a ganhar mas Lasse Vibe empatou, aos 81 minutos.

15:20. Portugal chega ao segundo jogo da fase de Qualificação com um novo treinador, que veio substituir Paulo Bento no comando técnico da selecção das quinas. Fernando Santos irá disputar o primeiro jogo oficial competitivo de Portugal, depois de ter liderado a selecção no amistoso contra a França. Fernando Santos estrear-se-á num jogo crucial para as contas portuguesas: Portugal ainda tem 0 pontos e não poderá dar-se ao luxo de obter nova derrota contra a tradicionalmente difícil Dinamarca.

15:10. Portugal tem apenas um jogo nesta fase de Qualificação para o Euro 2016, a ser realizado na França. Uma derrota surpreendente da formação lusa diante da modesta mas aguerrida Albânia (0-1 em Aveiro). A selecção portuguesa vem de um jogo amistoso contra a França, no Stade France, em Paris: 2-1 a favor dos gauleses, golos caseiros de Benzema e Pogba e um tento lusitano de Quaresma.

Parken Stadium, em Copenhaga

15:00. Bem-vindo ao duelo da fase de Qualificação para o Euro 2016: acompanharemos, , o jogo Dinamarca x Portugal, que se realizará no Estádio Parken, na capital Copenhaga, às 19:45 horas. Siga connosco todas as emoções da partida, em Vavel.com.

VAVEL Logo
CHAT