Sporting: sem bater o Moreirense nem vale a pena ansiar pelo Clássico
Foto: Manuel Roberto

Sporting: sem bater o Moreirense nem vale a pena ansiar pelo Clássico

Os Leões recebem hoje o Moreirense, na antecâmara do Clássico entre FC Porto e Benfica. O Sporting quererá capitalizar a perda de pontos dos rivais, de modo a encurtar distâncias para o topo da Liga, mas para isso é prioritária uma vitória na recepção ao brioso Moreirense.

vavel
VAVEL

O Sporting enfrenta hoje a oposição do visitante Moreirense, à passagem da 13ª jornada da Liga portuguesa, e a vitória é condição obrigatória para que os Leões sejam capazes de capitalizar os três pontos eventualmente ganhos em Alvalade na redução pontual para o topo da tabela classificativa, já que logo a seguir, FC Porto e Benfica travam-se de argumentos pela liderança do campeonato. 

Mais que um dever, um imperativo incondicional

O Sporting terá primeiro que derrubar a resistência vinda de Moreira de Cónegos, para depois poder assistir ao FC Porto x Benfica com o sentimento de dever cumprido: essa é a obrigação incondicional da formação leonina, cujo pensamento não poderá contemplar uma hipotética perda de pontos, que será estrategicamente catastrófica - esta é uma chance dourada para o Sporting encurtar distâncias para o topo, ainda para mais se o líder Benfica for batido no Dragão.

Moreirense é sinónimo de ameaça

O Moreirense, equipa que subiu à Primeira Liga, está a realizar um campeonato estável e competente, provando que está acima das desesperadas lutas pela fuga ao lugar de lanterna vermelha do campeonato - com 16 pontos ganhos, a equipa treinada por Miguel Leal tem apenas menos duas vitórias na Liga que o Sporting (que tem 6) e tem tantos golos sofridos como os Leões (11), factos que mostram a competência da formação. Com parcos recursos, o Moreirense tem, no entanto, capacidade para afrontar os grandes: o Benfica que o diga.

História não favorece Moreirense mas...deixa aviso ainda fresco na memória

Nos confrontos entre Sporting e Moreirense, para a Liga nacional, apenas por uma vez os de Moreira de Cónegos foram capazes de vencer o Leão: em 8 partidas de História da liga portuguesa, apenas num jogo o Moreirense foi feliz - a 20 de Setembro de 2003, quando, na quinta jornada, recebeu e bateu o Sporting por 1-0, com o golo fatal a ser marcado em cima do minuto 90, por Manoel, num golpe de teatro que ficou para a História como o único triunfo do Moreirense sobre o Sporting em 90 minutos regulamentares.

Isto porque a formação de Moreira de Cónegos viria, em 2012, a receber e bater o Leão numa partida da Taça de Portugal, na temporada 2012/2013, decidida apenas no prolongamento. O herói da partida foi Pablo Oliveira, que bisou durante os 90 minutos, mas foi Wágner que, no tempo extra, eliminou o Sporting, fazendo o 3-2 aos 97 minutos.

Nani é a grande baixa: o extremo, que lesionou-se na deslocação ao Bessa, irá falhar o segundo jogo consecutivo, já que falhou, na passada Quarta-feira, o duelo contra o Chelsea, que o Sporting perdeu por 3-1. Marco Silva deverá voltar a apostar no 4-2-3-1 com Montero atrás do argelino Slimani.

Onzes prováveis do Sporting x Moreirense

VAVEL Logo
CHAT