Marco Silva quer «destituir o presidente», afirma José Eduardo

Marco Silva quer «destituir o presidente», afirma José Eduardo

José Eduardo voltou à carga e, na RTP Informação, reiterou os ataques a Marco Silva, acusando-o de ter uma agenda de interesses que choca frontalmente com a integridade do projecto sportinguista. O conselheiro leonino confirmou que está em sintonia com o presidente Bruno de Carvalho neste conturbado dossier.

vavel
VAVEL

José Eduardo voltou a terreiro para explicar as acusações deixadas ao treinador do Sporting, Marco Silva. O conselheiro leonino, e ex-jogador do clube, atacou de modo veemente o profissionalismo e a dignidade do jovem técnico do Sporting, e, no programa 4x3x3 da RTP Informação, na passada Quinta-feira, reiterou o rol de críticas ao timoneiro técnico do Leão, acusando-o de ter uma agenda própria que apenas serve para prejudicar a integridade do projecto sportinguista.

«O presidente não pode estar satisfeito quando o treinador tem um projecto antagónico ao do Sporting», declarou José Eduardo, confirmando o descontentamento do presidente Bruno de Carvalho em relação ao trabalho de Marco Silva. As acusações foram mais longe, sendo, no entanto, da mesma medida daquelas proferidas na quadra natalícia, no jornal «A Bola»: «Marco está a fazer campanha para destituir o treinador e isso é inaceitável», condenou.

O antigo jogador do Sporting deixou bons anotamentos em relação ao trabalho técnico do treinador leonino, despedaçando, simultaneamente, a sua ética laboral, o seu carácter e as suas intenções «obscuras»: «Não gosto do projecto pessoal do Marco Silva, da agenda dele, que não tem nada a ver com o projecto do Sporting», afirmou, perante as perguntas dos analistas do programa.

Confirmando que tem reunido com o presidente Bruno de Carvalho e que deu conta a este da sua posição, corroborando a sintonia verificada entre a sua opinião e a do líder leonino, José Eduardo afirmou-se «indepedente», não escapando ainda assim aos reparos de Jorge Andrade, que considerou que o conselheiro leonino ali estava enquanto representante do Sporting e da sua direcção. «Tive uma conversa com o presidente porque não podia fazer uma acusação destas sem falar com o presidente. E mais: até tentei falar com o Marco Silva», desvendou.

Numa altura em que o clube de Alvalde vive em «blackout», esta é já a segunda intervenção crítica de José Eduardo, segundo ataque ao treinador actual do clube, sem que a estrutura leonina, quer SAD quer clube, tenham sequer, face às graves acusações, gastado uma palavra para confirmar ou desmentir a versão apresentada por José Eduardo. A entrevista de ontem desvenda que, a confiar nas palavras de José Eduardo, a mesma opinião é partilhada pela direcção leonina.

VAVEL Logo
CHAT