Belenenses x Benfica: Em casa de anfitrião amigo, não jogam conhecidos
Nico deverá estar ausente do onze encarnado. (Foto: Maisfutebol.iol.pt)

Belenenses x Benfica: Em casa de anfitrião amigo, não jogam conhecidos

O Benfica desloca-se, esta tarde, a Belém, para tentar segurar os 3 pontos da 29ª jornada da Liga ZON. Pelo caminho, cruza-se com emblema amigo e evita o confronto com antigos atletas da águia.

maraguerra
Mara Guerra

O objectivo é linear: assegurar a vitória que permite manter a vantagem dos 3 pontos, antes da recepção ao rival directo, Futebol Clube do Porto. Para isso, o Benfica terá de fazer da deslocação ao Restelo mais do que um encontros entre amigos em final de tarde, tal o contexto de cordialidade que se vive na antevisão do encontro entre os dois históricos lisboetas. E se as incursões em casas alheias podem trazer momentos constragedores, o Belenenses revela-se anfitrião cordial e afasta das visitas os seus antigos conhecidos, José Fonte e Miguel Rosa.

Rui Fonte de fora: uma questão de «ética»?

Se a ausência de Miguel Rosa se torna habitual em jogos contra o Benfica, mesmo que na maioria das vezes tenha sido por motivo de lesão, a não utilização de Rui Fonte nasce de uma justificação ética, uma vez que o atleta mora no Restelo por empréstimo. Justificou isso mesmo, o técnico Jorge Simão: «Não faz sentido Rui Fonte jogar contra quem lhe paga o ordenado»

Esta é uma questão polémica, que tem alimentado discórdias na utilização de atletas emprestados nos jogos entre o emblema que detém o jogador e aquele que o mesmo representa. Jorge Simão adianta que a não utilização de Rui Fonte «é uma questão de verdade desportiva» e «uma situação para proteger o jogador tendo em conta o vazio legislativo presente»

A opinião é partilhada por Jorge Jesus, que, na mesma linha de pensamento, considera que «os jogadores emprestados não devem jogar contra o clube original. Não há nenhuma lei que permita isso mas devia haver. Porque, imagine-se, o jogo corre-lhe bem e marca um golo. Como é que vai ser o regresso no ano seguinte? Como vai ser a reação dos adeptos? Para proteger os jogadores eles não devem jogar».

Eventuais poupanças, não são a pensar no Porto

Jorge Jesus poderá não contar com dois homens fortes da Luz, que se apresentaram condicionados durante a semana de trabalhos. «O Nico e o Jonas  tiveram alguns problemas de fadiga muscular, não trabalharam com o grupo. Hoje já fizeram metade do treino e vão estar convocados. Até amanhã vou decidir se os posso lançar no jogo», explicou o treinador.

A existir eventual poupança dos dois atletas, Jesus garante que a mesma não estará relacionada com o clássico que se adivinha e que poderá decidir o campeonato. «Queremos chegar chegar ao jogo com o FC Porto com mesmos três pontos de vantagem e só vamos mudar se houve algum problema físico. De resto, só a partir desse jogo é que vamos pensar no jogo com o Porto», assegurou.

Recorde-se que qualquer e imprevista perda de pontos por parte do Benfica, poderá deixar fugir o título, perante um rival do Norte, que se mostra mais consolidado e confiante. E confiante mostra-se também o Beleneses, numa recepção que, embora difícil, é antecedida de uma vitória em Arouca, na semana passada. Ainda assim, o histórico de confrontos pende para os encarnados, que perderam a última vez no Restelo em 2007/2008. 

Onzes Prováveis 

VAVEL Logo
CHAT