Luisão, Capitão Maior do Sport Lisboa e Benfica
Luisão é Capitão há 329 jogos

Luisão, Capitão Maior do Sport Lisboa e Benfica

É mais um passo na confirmação da importância que Luisão assume no futebol encarnado. No Clássico que se joga este domingo, na Luz, tornar-se-à o atleta que mais usou a braçadeira de capitão, de águia ao peito. (Foto: O Jogo)

maraguerra
Mara Guerra

Quando a carreira de um jogador se funde na história do clube que representa, reescrevendo-a. Quando a história do central Luisão, zagueiro para o Cruzeiro de onde saiu em 2003, apaga o registo histórico que todos os benfiquistas aplaudiam. Era o registo de Mario Coluna, o gigante que detinha o título do Capitão Maior nos terrenos da Luz. Agora, em jogo grande, aplaude-se um novo: Ânderson Luís da Silva, o Girafa, é o novo rei dos capitães no Sport Lisboa e Benfica.

Numa escalada de 11 épocas, a servir de encarnado, Luisão completa o 329º jogo com a braçadeira, que lhe confere o respeito na defesa e balneário. No jogo anterior, frente ao Belenenses, já se tinha colocado ao lado de um dos maiores símbolos do clube, Coluna, detentor da marca que seria, presumivelmente, difícil de atingir.

Luisão deu o primeiro passo aquando a sua chegada a Lisboa, em 2003/2004, Koeman deu-lhe ânimo quando lhe confiou a braçadeira em 2005/2006 e Fernando Santos confirmou o caminho de ascenção quando o registou como jogador primeiro, entre o plantel que orientava em 2007/2008. Com Jorge Jesus, solidificou e fez crescer o seu reinado entre os vários plantéis que já conheceu. 

A permanência, por vezes forçada, no clube, tem permitido que os recordes comecem a ser perfilados naturalmente. Já esta época, em jogo de comemoração do 111º aniversário do Sport Lisboa e Benfica, Luisão havia atingido o patamar de Simões, como o 7º jogador com mais jogos de águia ao peito. 

Este domingo, em jogo decisivo para a conquista de mais um campeonato, contra um eterno e directo rival, o capitão poderá ter um papel preponderante, não exclusivamente na concentração do plantel que lidera, num jogo que é naturalmente intenso e desconcertante. Porque Luisão já demosntrou que pode decidir a favor dos seus, quando em 2005 marcou em jogo tão determinante quanto o actual, mas frente ao Sporting, atribuindo-se a este tento a conquista do troféu desse ano, a 3 jornadas do fim. 

VAVEL Logo
CHAT