0-1, MIN.2, CARLOS MANÉ ; 0-2, MIN.33, MONTERO ; 0-3, MIN.36, TANAKA ; 1-3, MIN.44, LEANDRO SOUZA ; 1-4, MIN. 85, MONTERO
Sporting goleia Moreirense no ressurgimento de Fredy Montero

Sporting goleia Moreirense no ressurgimento de Fredy Montero

Tranquila deslocação do Sporting a Moreira de Cónegos: o Leão venceu por 1-4 graças a uma forte entrada na partida e a um domínio de jogo que se estendeu por toda a contenda. De ressalvar o reencontro de Montero com os golos.

vavel
VAVEL

Apesar do marasmo pontual em que caiu, o Sporting, já consolidado no terceiro lugar, não deixou, ontem, a plateia de Moreira de Cónegos adormecer, marcando quatro golos e batendo o Moreirense por 1-4, aproximando-se assim do segundo classificado, FC Porto - os Leões estão agora a seis pontos dos Dragões.

Tanaka & Montero para amassar o Moreirense...e resultou

No jogo que fechou a jornada 30, o Sporting viajou até ao terreno da equipa dirigida por Miguel Leal, e, com uma tracção táctica atacante, entrou de rompante na partida, marcando logo aos 2 minutos - Fredy Montero, que fez companhia a Tanaka na linha ofensiva, assistiu Carlos Mané. O jovem apenas teve de encostar para as redes do Moreirense (beneficiando de posição ilegal de fora-de-jogo).

Montero aumentou a vantagem aos 34 minutos, confirmando a boa exibição sportinguista. O avançado colombiano, que não era titular desde dia 1 de Março (dia do confronto no Dragão), voltou aos golos, aproveitando a ausência do habitual ponta-de-lança Slimani e a parceira com o japonês Junya Tanaka. O nipónico acentuaria, dois minutos depois, o domínio leonino, marcando o terceiro golo e dando uma estocada fulminante na equipa da casa.

Golo da casa foi inócuo

Antes do cair do pano da primeira parte, a reacção do Moreirense fez-se sentir: após um péssimo alívio de William Carvalho e uma descoordenação defensiva da equipa leonina, Leandro Souza, oportuno, rematou perante um Rui Patrício desprotegido. Quem pensaria que o Moreirense poderia cerrar os punhos e dar continuidade à reacção, desenganou-se quando viu os primeiros minutos da segunda parte.

Aliás, seria mesmo o Sporting a reforçar a liderança no marcador, marcando aos 85 golos, por intermédio de Fredy Montero: bis do colombiano num jogo em que «el Avioncito» voltou a mostrar veia goleadora, numa luta contra a dispensa no final da temporada após uma época de menor fulgor. Numa partida tranquila, o Leão reforçou o lugar de bronze na Liga (beneficiando do empate do SC Braga diante do Belenenses) e, espera, pacientemente, pela final da Taça de Portugal.

VAVEL Logo
CHAT