FC Porto critica: «Capela é uma espécie de Rei Midas do Benfica»
(FOTO: Jornal A Bola)

FC Porto critica: «Capela é uma espécie de Rei Midas do Benfica»

Os dragões comentaram a escolha de João Capela para arbitrar o jogo entre Gil Vicente e Benfica, a contar para a 31ª ronda da Liga NOS.

pedrocorreia
Pedro Correia

Numa altura em que as contas do campeonato se complicam para os dragões, o FC Porto criticou fortemente a escolha do juiz João Capela para arbitrar a partida que opõe Gil Vicente e Benfica na próxima ronda do campeonato português de Futebol, referindo, claramente, que o árbitro da AF Lisboa tem favorecido o eterno rival.

A polémica surgiu esta quinta-feira, através do "Dragões Diário", um jornal electrónico que os azuis-e-brancos facultam mediante subscrição, onde se pode ler a seguinte passagem: «João Capela foi premiado com uma segunda oportunidade para apitar o Gil Vicente-Benfica, depois de no jogo na Luz ter 'feito' o resultado, com aquele fora-de-jogo que até o Barbas assinalava. Capela é uma espécie de Rei Midas do Benfica, que em 12 jogos arbitrados pelo juiz lisboeta ganhou 11, empatou um, marcou 28 golos e não sofreu nenhum. Sim, nem um para amostra. Há, de facto, estatísticas maravilhosas, de fazer corar de vergonha o Bruno Paixão».

O juiz de 40 anos, que já havia apitado o encontro entre encarnados e gilistas na primeira volta - em que o Benfica venceu por 1-0 -, cumprirá o quarto jogo com o emblema da Luz esta época, depois de ter arbitrado também os embates frente ao Vitória de Setúbal (0-5) e ao Estoril Praia (6-0), jogos que terminaram com goleadas expressivas da equipa orientada por Jorge Jesus. 

VAVEL Logo
CHAT