LeBron desdenha de Trump: "Não poderíamos nos importar menos"
LeBron James ironizou Donald Trump (NBA/Divulgação)

Donald Trump, presidente dos Estados Unidos, critica com frequência o ativismo de atletas das major leagues norte-americanas. Nos últimos dias, o alvo foram jogadores da National Basketball Association (NBA). Na última quarta-feira (05), LeBron James, ala e ala-pivô dos Los Angeles Lakers, respondeu ao mandatário nacional.

Após o duelo do maior campeão da história da NBA contra o Oklahoma City Thunder, LeBron James foi sucinto sobre como a falta de apoio de Trump impacta a liga. 

"Realmente não acho que a comunidade do basquete esteja triste por perder a audiência dele. Posso falar por todos nós que amamos o jogo e não poderíamos nos importar menos", destacou.

LeBron James também destacou o apoio que os adeptos do basquete em todo o planeta dão aos protestos sociais e raciais realizados pelos atletas da NBA. 

"Nosso jogo está em uma posição bonita e temos fãs em todo o mundo. Nossos fãs amam e respeitam o que tentamos trazer para o jogo, o que é certo e o que é errado", finalizou.

Ataques de Trump

As palavras de LeBron James foram uma resposta a declarações do presidente norte-americano ao programa Fox & Friends, da Fox News. Horas antes das declarações do atleta, o mandatário usou palavras fortes para falar das manifestações que acontecem antes das partidas da NBA.

"Quando vejo pessoas ajoelhadas durante a execução do hino nacional e desrespeitando nossa bandeira, o que faço pessoalmente é desligar o jogo. Eu acho isso vergonhoso. Trabalhamos com a NBA para eles voltarem. E então eu vejo todo mundo ajoelhado durante o hino. Isso não é aceitável para mim", vociferou.

VAVEL Logo