Após empate no primeiro jogo, Palmeiras e Atlético-MG decidem vaga às semis da Libertadores
Foto: Divulgação/Palmeiras

No Allianz Parque, às 21h30, desta quarta-feira (10), Palmeiras e Atlético-MG entrarão em campo para decidir uma das vagas para a semifinal da Libertadores. O duelo, que promete ser equilibrado, poderá ser definido por aqueles que se atentarem melhor aos detalhes. 

Assim como na última edição, onde o Palmeiras saiu de Belo Horizonte classificado e logo depois se sagrou bicampeão consecutivo, a primeira partida terminou empatada, desta vez em 2 a 2.

O detalhe importante que definiu a classificação alviverde na última temporada, foi o critério de desempate do gol fora de casa, que não está mais em vigor. Portanto, em caso de um novo empate por qualquer placar, a partida será decidida nos pênaltis. A equipe que conquistar uma vitória simples sairá classificada

A esperança no sonho do tri 

Para seguir firme na luta pelo tricampeonato continental consecutivo e se classificar no tempo normal, o Palmeiras de Abel Ferreira terá que realizar um feito nunca alcançado: vencer o Atlético-MG. Em sete partidas, são duas vitórias do alvinegro e cinco empates. 

Além do fator casa que pode ser determinante, o comandante português terá um retorno fundamental para a equipe. Rony, um dos pilares do esquema de Abel e maior artilheiro do clube na competição, estará novamente disponível na competição, após ficar fora da primeira partida. Esta deverá ser a única mudança em relação aos 11 titulares que atuaram na capital mineira. 

Provável escalação do Palmeiras: Weverton; Marcos Rocha, Gustavo Gómez, Murilo e Piquerez; Danilo, Zé Rafael e Raphael Veiga; Dudu, Gustavo Scarpa e Rony (López).

Foco total no “jogo do ano” para o Galo 

No lado alvinegro, os torcedores encaram o duelo como o jogo do ano, considerando as últimas atuações ruins no Campeonato Brasileiro e a eliminação precoce na Copa do Brasil. Uma vitória simples basta para conquistar a vaga, mas a equipe ainda não venceu desde o retorno de Cuca e amargou a vitória parcial por 2 a 0 diante do Palmeiras, que se tornou um empate após a reação dos visitantes na primeira partida da decisão. 

Para o reencontro em São Paulo, o treinador já possui um desfalque certo: Pavón, ainda cumprindo suspensão, não pode atuar na competição. A dúvida é sobre o retorno de Guilherme Arana. O lateral-esquerdo não esteve em campo no Mineirão devido a uma lesão na coxa esquerda e realizou trabalho de recuperação durante o período.

O Departamento Médico do clube não divulgou um prazo de retorno, portanto, a sua presença na partida não está descartada e, tampouco, garantida. Uma boa notícia é o retorno de Allan, que cumpriu suspensão na última partida. 

Provável escalação do Atlético-MG: Everson; Mariano, Nathan Silva (Igor Rabello), Junior Alonso e Rubens (Dodô ou Guilherme Arana); Allan, Jair (Otávio) e Zaracho; Ademir (Nacho Fernández), Keno e Hulk. 

Arbitragem

Árbitro: Wilmar Roldán (COL)

Assistentes: Alexander Guzmán (COL) e Wilmar Navarro (COL)

VAR: Julio Bascuñan (CHI)

VAVEL Logo