Em noite estrelada de Vitor Roque, Athletico vence Atlético-MG de virada e entra no G-4
Foto: José Tramontin/athletico.com.br

Atlético-MG e Athletico Paranaense se enfrentaram neste domingo (7),  pela 21ª rodada do Campeonato Brasileiro. Quem levou a melhor no confronto dos “Atléticos” foi o paranaense, a equipe venceu  de virada o Galo Doido por 3 a 2. No Mineirão. Vitor Roque marcou duas vezes e Canobbio virou no último lance. Já para o Galo, Igor Rabello e Pavon marcaram.

Reviravoltas

Os primeiros minutos da partida foram equilibrados, as duas equipes erravam muitos passes, mas tentavam ser objetivas. Após os 15, o Galo esteve melhor, pressionou a equipe paranaense e esteve mais perto de marcar o primeiro gol. O Furacão quando tinha a bola, tentava sair em velocidade aproveitando as brechas deixadas pelos mineiros.

Mesmo com poucas chances dos dois times de marcar, o Galo conseguiu abrir o placar aos 30, em cobrança de falta, e cabeceio de Igor Rabello.

O segundo tempo contou com uma chuva de gols. Logo no início, Vitor Roque empatou para os paranaenses. Pouco tempo depois, o Galo marcou o segundo com Pavon, e segundos depois, Roque marcou novamente e deixou tudo igual. 

Ao final, o Galo teve domínio do jogo, a equipe teve várias cobranças de escanteio e jogadas de bola levantada na área, mas não teve êxito na hora de concluir. No último lance da partida, um contra-ataque fatal iniciado por Alex Santana, resulta no gol de Canobbio, que teve muita calma para marcar o terceiro gol do Furacão e decretar a vitória dos paranaenses.

Poucas chances

Nos dez primeiros minutos os times ainda estavam se estudando em campo. O jogo iniciou equilibrado

A primeira boa chance saiu dos pés de Dodô. Após o Atlético rodar a bola, o lateral recebe levanta a cabeça e cruza na área, Sasha disputa, e na sobra, Vargas chuta de voleio, mas o goleiro Bento, estava ligado no lance.

O Galo esteve novamente perto de abrir o placar com um chute de Pavón da intermediária. E em jogada de ultrapassagem pelo lado esquerdo, por onde Sasha recebeu a bola de costas para o gol, mas não conseguiu dominar a bola.

O Athletico também trouxe perigo para Everson. Em contra-ataque puxado por Vitinho, o atacante carregou a bola até a entrada da área e bateu, o goleiro espalmou para escanteio.

O Galo abriu o placar aos 30, com Igor Rabello. Após contra-ataque alvinegro, Sasha cortou para dentro e sofreu a falta. Na cobrança, Nacho achou o zagueiro, que cabeceou para o fundo das redes.

Chuva de gols

Logo no primeiro lance do primeiro tempo, o Ahtletico empatou o jogo. Vitor Roque driblou Nathan Silva e chutou de fora da área, marcando um golaço e empatando a partida.

Os mineiros devolveram o ataque e tiveram uma boa oportunidade de marcar o segundo, aos quatro minutos. Nacho achou Rubens no meio que fez o corte e tocou para Dodô, que chutou de primeira para Bento espalmar, no rebote, agarrou firme. 

Após sofrer o empate, o Galo passou a pressionar o Furacão, e, pouco tempo depois, o Atlético ampliou com Pavón. Rubens chutou de fora da área, a bola bate na defesa e sobra para o argentino marcar seu primeiro gol com a camisa alvinegra.

O Atlético mal teve tempo de comemorar, segundos depois, a estrela de Vitor Roque brilhou mais uma vez. Após jogada de Orejuela, que cruza rasteiro para a área, Roque chega na frente da zaga e chuta forte para vencer Everson. Tudo empatado de novo.

A partir da metade do segundo tempo, os mandantes se impuseram na partida. O Galo era melhor, tinha a posse de bola e buscava de formas variadas marcar o gol da vitória. Ao final, a equipe bombardeava o gol de Bento em cobranças de escanteio, mas não conseguia marcar.

E no último lance da partida, em um contra-ataque mortal do Furacão, Khellven entra na área e toca para Canobbio, que teve toda a calma do mundo e só precisou empurrar para o virar o jogo para o Athletico.

  • Como fica

Com a vitória, o Athletico Paranaense fica com última posição do G-4, com 37 pontos. O Furacão viaja à Argentina para enfrentar o Estudiantes, pela partida de volta da Libertadores; na Arena da Baixada, a partida terminou em 0 a 0. O Ahtletico também joga no domingo (14) contra o Flamengo pelo Brasileirão. 

Já o Galo, emplaca a quarta rodada sem vitória (três derrotas e um empate) e fica na sétima posição, com 32 pontos. 

A equipe enfrenta o Palmeiras no Allianz Parque, na quarta-feira (10), pelo jogo de volta da Libertadores; onde o time empatou por 2 a 2, no Mineirão. E no domingo (14), a equipe visita o Coritiba, pela 22ª rodada do Campeonato Brasileiro

VAVEL Logo