Com desfalques, Remo e Paysandu fazem clássico decisivo no Mangueirão pelo Paraense

Após vencer na partida do turno como visitante, Leão tenta manter invencibilidade frente ao Papão na atual temporada

Com desfalques, Remo e Paysandu fazem clássico decisivo no Mangueirão pelo Paraense
Foto: Fernando Torres/Paysandu
Remo
Paysandu
Remo: Vinícius; Levy (Gustavo), Mimica, Bruno Maia e Esquerdinha; Dudu e Fernandes; Adenilson; Felipe Marques, Elielton e Isac. Técnico: Givanildo Oliveira
Paysandu: Marcão; Maicon Silva, Diego Ivo, Perema e Victor Lindenberg; Nando Carandina e Cáceres; Fábio Matos; Mike, Cassiano e Moisés. Técnico: Dado Cavalcanti
ÁRBITRO: Rodolpho Toski Matos (PR)
INCIDENCIAS: Partida válida pela 9ª rodada do Campeonato Paraense 2018, a ser disputada no Mangueirão, em Belém, no Pará

O final de semana é costumeiramente marcado para ocorrer a maioria dos jogos de futebol, seja no Brasil ou em qualquer lugar do planeta, e dos mais diversos campeonatos. Na tarde desse domingo (11), às 16h, Remo Paysandu vão medir forças no Mangueirão, em Belém, pela 9ª rodada do Campeonato Paraense 2018.

Líder do Grupo A2, com 16 pontos, o Leão depende somente de si para garantir classificação às semifinais do Estadual, uma vez que a vitória o coloca na próxima fase. Motivação, certamente, não vai ser problema à equipe comandada por Givanildo Oliveira, já que superou o Águia pelo placar mínimo na estreia do comandante no último domingo (4).

O Papão, por outro lado, é o único a estar garantido na etapa seguinte. Com 19 pontos ganhos e na liderança isolada do A1, o bicolor defende uma série invicta de sete partidas na temporada, incluindo o resultado positivo conquistado na última quinta-feira (8) ante o Santos-AP, por 3 a 2, pela ida das quartas de final da Copa Verde.

Givanildo reestreia em clássicos pelo Leão

Após uma semana cheia para treinar e assim poder se preparar bem à reestreia em clássicos pelo Remo, Givanildo Oliveira ainda não sabe os 11 que entrarão em campo. Isso se deve ao fato de ter sofrido baixas e há apenas uma dúvida para confirmar qual o time que vai enfrentar o Papão.

Os volantes Leandro Brasília e Geandro estão fora do confronto, já que foram vetados pelo médico com problemas na panturrilha direita e em uma das costelas, respectivamente. Além deles, o lateral-direito Levy e o atacante Gabriel Lima se queixaram de dores na coxa direita, porém somente o lateral é dúvida, com Gustavo ficando de alerta para poder substituir.

Comandante azulino ainda não confirma equipe titular na reestreia em clássico (Foto: Fábio Will/Ascom Remo)
Comandante azulino ainda não confirma equipe titular na reestreia em clássico (Foto: Fábio Will/Ascom Remo)

Devido aos problemas para montar o time, o treinador remista admite reconhece as adversidades e cita o desgaste como possibilidade para a ausência de alguns jogadores. De acordo com o técnico, no entanto, há a importância de reforçar o grupo, visando dar mais estrutura e solidez à equipe.

"Quando você perde jogadores assim, complica. Vamos esperar o Levy para saber se ele tem condição ou não de jogar e às vezes se coloca a culpa no preparador físico por ele puxar muito, mas o problema é que cada jogador tem sua estrutura. Infelizmente foi série de situações, no entanto, nós temos que organizar, melhorar, até trazer mais quatro ou cinco jogadores", declarou o comandante azulino.

Dado ainda tem dúvida para definir Papão

No outro lado da moeda, porém, as coisas não estão diferentes. Para o confronto, Dado Cavalcanti também não está com o time titular pronto e só vai confirmar quem joga momentos antes da bola rolar. Certeza é que não pode contar com o lateral-esquerdo Matheus Müller, expulso na vitória sobre o São Raimundo, e os meias Pedro Carmona e Ryan Williams, lesionado e aguardando regularização, respectivamente.

Para o lugar de Matheus, o comandante deve fazer o simples e ir com Victor Lindenberg, conforme ocorreu contra o Pantera Negra. No meio, o volante Willyam é dúvida após ser substituído ainda durante a etapa inicial diante do Santos-AP, com Cáceres ficando no alerta para entrar novamente.

Dado Cavalcanti defende 100% de invencibilidade sob comando do Papão (Foto: Fernando Torres/Paysandu)
Dado Cavalcanti defende 100% de invencibilidade sob comando do Papão (Foto: Fernando Torres/Paysandu)

O restante, entretanto, deverá ser o mesmo que já vinha atuando, por mais que na próxima semana tenha a volta com o Peixe da Amazônia e o intervalo para preparação ser curto. Invicto e com 100% no comando do bicolor, Dado celebra a boa fase vivida e pede para que o elenco do Papão não se acomode.

"O momento traz confiança, mas a gente não leva isso para a próxima partida, contra o Remo. Não pode transformar em conformismo, achar que está tudo bem, teremos que trabalhar, continuar reconhecendo os erros e falhas para continuar vencendo. Começamos a focar no Remo já no vestiário e nas conversas internas", assegurou o técnico.