Debaixo de temporal, Paraná e Palmeiras empatam no Estádio do Café
Foto: Cesar Greco/Ag. Palmeiras/Divulgação

Debaixo de temporal, Paraná e Palmeiras empatam no Estádio do Café

Keslley abriu o placar para o Tricolor e Gustavo Scarpa empatou para o Verdão

sandroquintanilha
Sandro Quintanilha

No duelo entre lanterna e líder do Campeonato Brasileiro, Paraná e Palmeiras ficaram no empate, em 1 a 1, nesse domingo (18), no Estádio do CaféKeslley marcou para os donos da casa, enquanto Gustavo Scarpa, de pênalti, deixou tudo igual para os visitantes.

Os primeiros movimentos da partida foram truncados, com as duas equipes marcando pesado. Na primeira tentativa, Dudu arriscou um chute de perna canhota, mas acabou errando o alvo, sem assustar muito. A resposta do time da casa veio pouco depois, em uma finalização de Grampola, que passou por cima da meta.

Aos  19, Diogo Barbosa fez boa jogada individual, carregando a bola até a linha de fundo e cruzando para trás. Gustavo Scarpa apareceu e bateu firme, de primeira. Thiago Rodrigues fez grande defesa e o rebote fica com Diogo Barbosa, em posição de impedimento.

Na primeira grande chance na partida, o Tricolor não desperdiçou a oportunidade e saiu na frente, aos 34. Em arrancada pelo lado esquerdo, Juninho passou pela marcação e cruzou para a área, encontrando Keslley que, de carrinho, finalizou. O goleiro Weverton chegou a tocar na bola, mas não conseguiu evitar o primeiro gol do jogo.

Para o segundo tempo, o Verdão adiantou a sua linha de defesa e se lançou ao ataque. Com oito minutos, em um lance de contra-ataque, William arriscou um chute que pegou no braço de Jhony. O juiz  Bruno Arleu de Araújo  marcou pênalti. Na cobrança, Gustavo Scarpa bateu no meio e empatou o confronto.

Por pouco o líder do campeonato não virou aos 18. Dudu invadiu a área e tentou um chute colocado, que foi espalmado por Thiago Rodrigues. Na sobra o alviverde tentou continuar a pressão, mas a zaga paranista afastou o perigo. 

Com o jogo se aproximando do fim, o Porco pressionou e quase marcou o segundo. Aos 41, Willian tocou para Borja na área, que tentou rasteiro, e o goleiro pega em dois tempos. Já nos acréscimos, a estratégia do alviverde foi tentar cruzamentos para área, mas que foram afastadas pela zaga, que seguraram o resultado.

O resultado mantém a vantagem do Palmeiras na ponta da tabela, que é de cinco pontos para o vice-líder Flamengo. Já rebaixado, o Tricolor continua na lanterna, mas agora com 22 pontos. Na próxima quarta-feira (21), o Palmeiras volta a campo para enfrentar o América-MG, no Allianz Parque. Um dia depois, o Paraná visita o Ceará, no Castelão.

VAVEL Logo