Botafogo-SP e Corinthians se enfrentaram nesta quarta (14), pela oitava rodada do Campeonato Paulista, no Estádio Santa Cruz, em Ribeirão Preto-SP. O Timão garantiu os três pontos, com uma bela vantagem de 4 a 1 no placar, e com o resultado chegou à segunda vitória seguida no estadual. Gols marcados por Wesley, Yuri Alberto e Romero, que marcou duas vezes. Já no lado do Botafogo, o único gol foi marcado pelo meia argentino Leandro Maciel.

  • Um gol pra cada lado

A primeira etapa começou com bastante emoção, e mesmo com o gramado bastante prejudicado pela chuva, ambas as equipes buscavam a troca de passes no campo de ataque. Logo aos 5 minutos, após cruzamento de Romero, Wesley dominou a bola dentro da área e sofreu contato do atacante Emerson Ramon. O juiz não hesitou e fez a sinalização de pênalti para o Timão. Maycon veio para cobrança e parou na defesa do goleiro João Carlos, porém no rebote, a zaga do Pantera tentou afastar, mas acabou lançando na cabeça de Romero, que subiu livre de marcação e cabeceou para o fundo da rede, tirando assim o zero do placar em Ribeirão Preto.

Mesmo saindo atrás no placar, o Botafogo se impôs na partida e buscou o empate ao decorrer de toda primeira etapa, chegando com perigo aos 19, na finalização de Emerson Ramon que o zagueiro Gustavo Henrique tirou em cima da linha e também na finalização de Patrick Brey aos 35, que passou raspando no gol de Cássio. O tricolor não deixou de pressionar e, já no final da primeira etapa, aos 40, conseguiu chegar ao seu gol de empate. Após cruzamento na área do Timão, Felix Torres subiu e afastou de cabeça, a bola foi aos pés do meia Leandro Maciel, que sem dominar soltou uma bomba no cantinho do goleiro Cássio, empatando a partida em Ribeirão Preto.

  • Goleada do timâo e confiança retomada

O Corinthians voltou à segunda etapa com uma postura totalmente diferente da que havia mostrado antes da ida para o intervalo. A equipe de Antônio Oliveira voltou a concentrar mais a posse da bola e pressionar os donos da casa no seu campo de defesa, convertendo a pressão em gol logo no início da etapa. Aos 9, após cobrança de lateral, Maycon recebeu próximo à linha de fundo e foi desarmado, porém, na tentativa da zaga do Pantera de afastar, a bola acabou sobrando para Romero, que cabeceou livre no segundo pau e tirou o empate novamente do placar. Após o gol, a equipe do Parque São Jorge cresceu ainda mais na partida e, logo aos 12, chegou ao seu terceiro gol. Após bela troca de passes, Maycon recebeu a bola e deu uma bela enfiada para Wesley em profundidade. O ponta usou a velocidade para limpar a marcação e finalizou forte e rasteiro para vencer o goleiro João Carlos e ampliar para o time do povo. 

O Botafogo buscou investidas à defesa corintiana após os dois gols sofridos, porém não conseguia quebrar a linha de marcação adversária e apostava em finalizações de fora da área, que pouco levaram perigo à defesa do alvinegro paulista. O Timão continuou em busca de mais gols e quase chegou a ampliar com Maycon no que seria um golaço de cavadinha aos 22, porém João Carlos estava bem posicionado e evitou o quarto do Timão. O Botafogo chegou com perigo em cobranças de falta aos 28 e também aos 31, ambas batidas por Leandro Maciel, porém sem sucesso ao gol de Cássio. O Corinthians voltou a pressionar e, aos 32, chegou ao seu quarto gol e a goleada no placar. Após belo lançamento de Matias Rojas, Yuri Alberto avançou em profundidade e finalizou forte no alto para dar números finais à partida.

  • CLASSIFICAÇÃO 

​​​​​​​Com a vitória, o Corinthians chegou aos 9 pontos na competição e continua na última posição do Grupo C, cinco pontos atrás do líder RB Bragantino. Já o Botafogo, com o resultado, chegou à terceira derrota consecutiva e permanece com 8 pontos conquistados, 5 a menos que o líder São Paulo e ocupando a lanterna de seu grupo.

  • PRÓXIMOS JOGOS

​​​​​​​O Timão volta a campo no domingo (18), às 18h (horário de Brasília), quando enfrentará o Palmeiras na Arena Barueri. Já o Botafogo visita o Mirassol no sábado (17), com o duelo marcado também para às 18h, no Estádio José Maria de Campos Maia.