LoL: Semana 3 da Superliga ABCDE se mostrou explosiva
(Fonte: Divulgação/Superliga ABCDE)

LoL: Semana 3 da Superliga ABCDE se mostrou explosiva

Jogos do final de semana já definiram os três primeiros times eliminados da competição

yumasashy
João Pedro Ribeiro Leandro

Nesse fim de semana (24 e 25), a Superliga ABCDE teve séries muito importantes válidas pela fase de grupos. Enquanto as equipes Vivo Keyd, paiN Gaming e INTZ despontaram na liderança de seus grupos, vimos as equipes Bulldozer, Operation Kino e IDM Gaming sendo eliminadas precocemente, perdendo suas chances de classificação para as semifinais.

No sábado (24), a Superliga ABCDE viu duas séries muito boas para os fãs de League of Legends. Com os confrontos de Vivo Keyd vs. Bulldozer e Operation Kino vs. Team oNe, tivemos jogos bem disputados que mostraram a evolução das equipes em meio ao torneio.

VIVO KEYD 2 - 0 BULLDOZER JAWBREAKERS
Na primeira série do dia, a Bulldozer mostrou uma grande evolução ao bater de frente com a equipe da Vivo Keyd, as equipes começaram com composições bem distintas, onde a Bulldozer optou por uma composição de team fight contra a composição de rotação da Keyd. O early game foi equilibrado, com uma pequena vantagem para os Guerreiros da Keyd, que a aproveitaram muito bem, utilizando da Akali do meio Tockers e do Lee Sin do caçador Jockster.
A partida foi lentamente evoluindo até que em uma luta pelo Barão a equipe da Keyd conseguiu vencer e marchar até a base da Bulldozer e, mesmo perdendo quatro jogadores, os Guerreiros limparam os inibidores e finalizaram a partida aos 35 minutos.

A segunda partida começou com a substituição de atirador na equipe da Keyd – trocando micaO pelo reserva Klaus – e um early game forte por parte da Bulldozer. Mas mesmo com a desvantagem, a Keyd conseguiu responder muito bem do outro lado do mapa com a Lissandra de Tockers. E novamente, após um Barão, a Vivo Keyd conseguiu a vantagem e foi rumo a vitória para fechar a série. O mid Tockers foi eleito o King of the Match.

TEAM ONE 2 - 1 OPERATION KINO
A série começou com uma vitória tranquila da Operation Kino. Após um early game com vantagem nas lanes e na derrubada de torres, só foi preciso uma boa team fight para a OPK assegurar o Barão e destruir a base dos Golden Boys, com direito a um Triple Kill do agora atirador Ziriguidun.

A segunda partida foi o começo da virada da Team oNe, após um excelente começo com quatro abates a equipe tentou utilizar o Arauto do Vale, mas a OPK estava alerta e conseguiu vencer a team fight. A partida deu uma acelerada desse momento em diante e ambas as equipes trocaram pick offs e abates, com erros de ambos os lados, até os 38 minutos, onde a OPK partiu para a execução de um Dragão Ancião e, mesmo conseguindo ficar com o buff, perdeu três jogadores e viu os Golden Boys destruindo seu Nexus.

No terceiro jogo, a Team oNe aproveitou muito bem da sua composição, rotacionando rapidamente para assegurar objetivos e garantir lutas favoráveis, o Gálio de Brucer e o Lee Sin de 4LaN criaram uma pressão global contra a OPK e após bons pickoffs foram vitoriosos na série. O topo Skybart foi eleito o King of the Match.

Já no domingo (25), vimos as equipes da INTZ e da paiN Gaming atropelarem Redemption e IDM, respectivamente. As duas equipes provaram estar um degrau acima de seus adversários, principalmente nos quesitos estratégia e paciência.

INTZ 2 - 0 REDEMPTION
A série de abertura deste domingo começou com uma partida eletrizante, onde a equipe da Redemption conseguiu dominar o early game da INTZ, anulando completamente a Cassiopeia do meio Hauz. O que mudou o rumo da partida foi uma luta pelo Barão aos 27 minutos, onde mesmo com a Redemption conseguindo garantir o buff, a INTZ lutou melhor, garantindo três abates e seu retorno na partida.
A partir daí, as duas equipes começaram a se estudar e evitar confrontos diretos, focando o push das lanes e o controle de visão, até que aos 34 minutos, a Redemption dá outra chamada de Barão, que dessa vez acaba sendo desastrosa! Então, com três jogadores da Redemption mortos e mais o buff do Barão em suas mãos, a INTZ marchou rumo ao Nexus inimigo e clamou a vitória na primeira partida do dia.

Na partida decisiva, as equipes já começaram a mostrar ao que vieram aos 7 minutos. Após uma invasão no Vermelho da Redemption, explodiu uma luta na jungle onde morreram dois jogadores de cada equipe e, logo em seguida, os dois atiradores se envolveram em um “X1” onde a Ashe de Mills, da INTZ, saiu vitorioso mas acabou sendo eliminado na sequência, totalizando um placar de três abates pra cada lado.

A partida seguiu com vários abates para ambos os lados enquanto nenhum time realmente impunha seu ritmo de jogo, mas aos 32 minuto, a equipe da INTZ aproveitou da vantagem de visão para iniciar o Barão, a Redemption se prontificou em contestar mas foi atrasada pela Lissandra do topo Tay, dando tempo da sua equipe terminar o Barão sem problemas e ainda virar a luta e aplicar um Ace na Redemption. Com todos os inimigos mortos, a INTZ avançou pela rota do meio e decretou seu 2 a 0 na série. O atirador Mills foi o King of the Match.

PAIN GAMING 2 - 0 IDM GAMING
O confronto pode ser definido como a série mais unilateral dessa semana 3 da Superliga ABCDE, a paiN obliterou a IDM em todos os quesitos dentro do Rift, desde a fase de rotas até o fechamento das partidas, a paiN puniu tudo que a IDM se propunha a fazer e não tirou o pé do acelerador em nenhuma das duas partidas.

Na primeira partida, as equipes fizeram jogos mentais no draft, a IDM acabou flexionando suas escolhas ao máximo, no fim deixando o pick de Gragas para o suporte Damage. Durante a fase de rotas, a paiN resolveu adaptar os matchups de seus campeões e direcionou a Lissandra de tinowns para a rota do topo, enquanto a Irelia de Ayel fez a rota do meio, movimento que dificultou o early game da IDM, já que tiveram que ficar mudando de rota para tentar desviar dos matchups desfavoráveis. O snowball da paiN começou após um dive na rota inferior, onde a Kai'Sa do atirador Matsukaze conseguiu um Double Kill, já acelerando seu pico de poder. A partir disso, a equipe conseguiu levar a primeira torre do jogo, rotacionar e conseguir o Arauto e um dragão, conseguindo uma larga vantagem nos objetivos e no ouro global. Essa vantagem fez a equipe conseguir dominar a visão na selva da IDM que sofreu com pickoffs bem planejados e, por volta dos 24 minutos de jogo, um Barão de graça para a paiN, que utilizou o buff para abrir a base adversária e após uma rápida volta a base para capitalizar o ouro, encerrar a partida aos 31 minutos.

O último jogo da série foi marcado pela pressão que o caçador Minerva, da paiN, exerceu com a sua Taliyah. O caçador conseguiu um snowball muito forte desde a fase de rotas, onde seu time conseguiu dominar a visão e dar suporte para suas jogadas bem agressivas na selva inimiga. Durante o jogo, novamente, a paiN conseguiu o controle das rotas e foi superior, conseguindo anular o Olaf do caçador novato Sting. Jogando pressão intensa pra cima da equipe da IDM, a paiN conseguiu levar a segunda torre da rota do topo  bem cedo, aos 12 minutos de jogo, o que abriu bem o mapa  para a Fiora do topo Ayel. Com toda a vantagem, não foi difícil para a paiN executar o Barão assim que ele nasceu, aos 20 minutos de partida, abrindo assim a possibilidade de encerrar o jogo mais cedo, mas houveram alguns erros por parte da paiN nos momentos finais da partida, onde a equipe perdeu algumas lutas e a partida acabou se estendendo até os 35 minutos, onde a equipe conseguiu uma luta para finalizar a série. O caçador Minerva foi o King of the Match da série.

A fase de grupos da Superliga ABCDE está assim:

VAVEL Logo