Na próxima quarta-feira (24), o Atlético Mineiro vai fazer sua estreia na temporada 2024 diante do Patrocinense fora de casa, através da primeira rodada do Campeonato Mineiro, às 21h30 (horário de Brasília), no Estádio Pedro Alves do Nascimento, em Patrocínio.

Dessa forma, o Galo também vai em busca do pentacampeonato estadual consecutivo, para manter a atual hegemonia de quatro anos em Minas Gerais e embalar rumo a grandes objetivos nesta atual temporada.

Pela fase inicial do Campeonato Mineiro, o Atlético será o cabeça de chave do Grupo B, que ainda conta com Villa Nova, Pouso Alegre e Uberlândia.

Antes do fim do Estadual, o Galo vai fazer sua estreia na fase de grupos da Libertadores 2024, com datas marcadas para os dias 2 e 4 de abril.

Além da principal competição de clubes da América do Sul, o clube de Belo Horizonte também vai disputar a Série A do Brasileirão e a Copa do Brasil, em busca de retomar o protagonismo nesta atual temporada.

Nesse momento, o Galo anunciou apenas um reforço no mercado da bola e trata-se do meio-campista Gustavo Scarpa, que assinou vínculo com o time mineiro até dezembro de 2027.

Além de Scarpa, o Atlético Mineiro também negocia a contratação Bernard, que atualmente defende o Panatinaikos, da Grécia e deseja voltar ao Alvinegro nesta atual janela de transferências.

No entanto, o nome do meio-campista agradou o técnico Luiz Felipe Scolari que se reuniu com a diretoria do Galo e deseja contar com o futebol do atleta ainda nesta temporada.

Para a disputa do Campeonato Mineiro, o Galo deverá manter o mesmo time do último Brasileirão, quando terminou em terceiro lugar com 66 pontos e se garantindo entre os quatro primeiros colocados que vão direto à fase de grupos da Libertadores.

  • Atlético terá o desfalque de Gustavo Scarpa na estreia do Campeonato Mineiro

Diante do Patrocinense, o Atlético Mineiro terá um desfalque de peso e trata-se do meio-campista Gustavo Scarpa, que ainda não poderá fazer sua estréia oficial no clube, devido uma entorse no joelho, quando atuava pelo Olympiacos, da Grécia, em novembro.

Além dele, o técnico Luiz Felipe Scolari também deverá poupar vários titulares, como nos casos dos atacantes Hulk e Paulinho, que deverão permanecer em Belo Horizonte para as melhores condições físicas e técnicas.