Nesta quarta-feira (24), o Atlético-MG iniciou a busca pelo pentacampeonato estadual com derrota para o Patrocinense de virada por 2 a 1, pela abertura da primeira rodada do Campeonato Mineiro de 2024, no Estádio Pedro Alves do Nascimento, em Patrocínio.

Os gols da partida foram marcados por Everton Kanela e Hudson para os mandantes, enquanto Maurício Lemos descontou para a equipe de Belo Horizonte.

Com o resultado, o Galo inicia o Campeonato Mineiro com o pé esquerdo. O time comandado pelo técnico Luiz Felipe Scolari amarga a lanterna do Grupo B sem nenhum ponto, que ainda conta com Uberlândia, Villa Nova e Pouso Alegre.

Por outro lado, o Patrocinense pulou para a vice-liderança do Grupo C com três pontos conquistados, empatado com o Athletic  Club, mas atrás pelos critérios de desempate. América-MG e Democrata-GV ainda completam a chave.

  • Galo sofre virada da Patrocinense no segundo tempo

Durante a primeira etapa, o Atlético-MG chegou até levar um susto dos mandantes, mas abriu placar logo aos oito minutos da primeira etapa com Mauricio Lemos, que bateu a falta com força e categoria, por cima da barreira, e marcou um golaço no ângulo do goleiro Cairo para fazer 1 a 0.

Mesmo em desvantagem, o Patrocinense não se entregou e chegou ao empate aos 15 minutos com Everton Kanela, que se recebeu cruzamento de Marcílio pela direita e cabeçou no canto de Everson, que se esticou, mas não alcançou a bola.

A partir daí, o Galo até tentou criar, mas não conseguiu muito. O gramado alto atrapalhou os comandados de Felipão, que não conseguiram imprimir tanta velocidade.

Porém, que esteve mais presente no ataque, foi o Patrocinense, que deu alguns sustos na defesa atleticana, principalmente nas jogadas de velocidade e criou duas boas grandes oportunidades de virar a partida com Cayubi e Everton Kanela.

Antes do intervalo, o Atlético-MG teve a chance de pular de novo na frente aos 44 minutos com Igor Gomes, que bateu por cobertura, mas bola acabou saindo pela linha de fundo, após Alan Kardec e Paulinho serem superados dentro da pequena área.

Na volta para o segundo tempo, o Galo procurou o jogo e tentou de todas as formas surpreender a meta adversária, mas encontrou dificuldades na criação das jogadas.

Porém, quem acabou fazendo o segundo gol da partida foi a Patrocinense aos 27 minutos com Hudson, que se antecipou a defesa atleticana e apareceu livre na segunda trave para fazer 2 a 1, após bate-rebate na área adversária. 

Mesmo atrás do marcador, o Atlético-MG ainda tentou reagir, mas não conseguiu ser eficiente para igualar o placar em Patrocínio. Dessa forma, o técnico Felipão chegou a fazer mais alterações, colocando o time para frente, mas os mandantes conseguiram segurar o resultado até o fim.

  • Próximos compromissos

Para ir em busca de recuperação no Campeonato Mineiro, o Atlético-MG receberá o Democrata-GV, neste domingo (28), pela segunda rodada, às 16h (horário de Brasília), na Arena MRV, em Belo Horizonte.

Do mesmo modo, o Patrocinense tenta manter o embalo neste início e Estadual, diante do Uberlândia na próxima segunda-feira (29), às 20h, no Parque do Sabiá.