Na briga pelo acesso à elite, Ceará e Avaí empatam no Castelão
Foto: Christian Alekson/Ceará

Na briga pelo acesso à Série A, Ceará e Avaí fizeram um jogo movimentado no Castelão que acabou empatado em 2 a 2, pela 24ª rodada da Série B. Magno Alves, duas vezes, marcou para o Vozão, enquanto Anderson Lopes e Marrone marcaram para o Leão. Magno Alves ainda desperdiçou um pênalti.

Com o resultado, o time cearense entra momentaneamente no G-4. Está em 4º lugar, com 40 pontos, mas pode ser ultrapassado pelo Vasco. Os catarinenses mantiveram a liderança, com 45 pontos, mas pode ser superado na tabela pelo rival Joinville.

Na próxima rodada, os dois times jogam na terça-feira (23). O Ceará joga mais uma vez dentro de casa, desta vez diante do América-RN, às 21h50. Já o Avaí viaja até Curitiba para enfrentar o Paraná, às 19h30.

Primeiro tempo movimentado, com pênalti perdido e virada em Fortaleza

Como já é costumeiro, o Avaí, no começo dos jogos fora de casa, deu a bola para a equipe do Ceará. Jogo com um minuto de jogo, Eduardo bateu e exigiu boa defesa do goleiro Vágner. O Ceará dominava a posse de bola e o Avaí se postava na defesa. A primeira finalização dos catarinense foi aos 17 minutos: Bocão bateu, mas não levou perigo.

Na bola parada, o Avaí tentou seu gol aos 23 minutos. Marquinhos colocou na área, João Filipe pegou o rebote e bateu, mas o goleiro pegou em dois tempos. No contra-ataque do Ceará, Vicente passou por Bocão e colocou para Magno Alves, na entrada da pequena área, tirou de Antonio Carlos e bateu pra abrir o placar no Castelão.

Sem sentir o gol, o time catarinense se soltou e não demorou pra empatar o jogo. Quatro minutos após o gol do Vozão, Marrone fez jogada pela esquerda, soltou para Eduardo Neto, que cruzou na área. Roberto cabeceou na trave e, no rebote, Anderson Lopes bateu pra empatar o jogo. O Ceará teve grande chance de se pôr na frente do placar aos 30 minutos. Após jogada pelo lado direito de Eduardo, que tocou para Souza, que recebeu e bateu, mas a bola bateu no braço de Pablo e o árbitro marcou o pênalti. Na cobrança, Magno Alves bateu e ela explodiu na trave, no pé do goleiro Vágner, mas a zaga afastou.

O castigo do Ceará veio logo em sequência. Aos 36 minutos, Marrone tabelou com Marquinhos, recebeu dentro da área e, de pé direito, bateu pra estufar a rede de Luis Carlos e virar o jogo pro Avaí, fechando o placar do primeiro tempo.

Magno Alves marca mais um e Ceará busca empate no Castelão

Com a necessidade de vitória para não ficar fora do G-4, o Ceará foi atrás do resultado. A primeira chance do Vozão na segunda etapa foi aos 7 minutos, quando Eduardo colocou a bola na área e Vágner tirou de soco. No rebote, Vicente recebeu na entrada da área, bateu, mas Diego Felipe desviou de cabeça pra evitar que a bola chegasse ao gol.

Buscando a vitória, o técnico Sérgio Soares tirou o volante Souza para colocar o meia atacante Lulinha. E deu resultado. Com um minuto em campo, Lulinha fez jogada pelo lado direito, passou por Marrone e cruzou rasteiro. O goleiro Vágner espalmou pra dentro da área e Magno Alves dominou e chutou forte para empatar o jogo.

Mesmo com o empate alcançado, o Ceará não abdicou do ataque, mas dava espaço para o Avaí. A grande chance dos catarinenses para fazer o terceiro gol foi aos 29 minutos, quando no contra-ataque, Marquinhos descolou grande passe para Diego Felipe, que avançou com espaço e bateu de perna esquerda e a bola passou rente à trave de Luis Carlos. Desesperado pelo resultado, os cearenses apostaram na bola parada para buscar a vitória, porém o jogo terminou empatado. Melhor para o Avaí, que chega há 10 partidas invictas e mantém cinco pontos em relação ao quinto colocado na Série B.

VAVEL Logo