Em seu primeiro jogo na Arena MRV em 2024, o Atlético-MG não tomou conhecimento do Democrata-GV e venceu por 4 a 0, com grande atuação do atacante Hulk, autor de um gol e duas assistências.

Com o resultado, o Galo chegou aos primeiros três pontos no Campeonato Mineiro após duas rodadas, se recuperando da derrota sofrida na quarta-feira contra o Patrocinense.

  • Mudanças na formação inicial

O Galo entrou em campo com três alterações em relação ao primeiro jogo da temporada. A principal novidade foi o retorno do atacante Hulk, que ficou de fora devido problemas estomacais. As outras novidades foram as entradas de Mariano e Zaracho.

Além das alterações nos 11 iniciais, o meia Gustavo Scarpa foi a grande surpresa na lista de relacionados, aparecendo entre os reservas.

  • Hulk brilha com duas assistências 

Os primeiros 45 minutos foram de domínio absoluto do Atlético-MG. Fazendo valer o mando de campo, o alvinegro não encontrou dificuldades para, desde o início, controlar as ações e balançar as redes adversárias.

Apesar do placar tranquilo, a primeira grande chance de gol no início da partida foi do Democrata-GV, que assustou aos cinco minutos, com um chute de fora da área que Everson defendeu em dois tempos. 

Daí pra frente, o time visitante não assustou mais a defesa atleticana, e a resposta dos mandantes veio três minutos depois, em belo passe de Igor Gomes para Hulk, que chutou com perigo para a boa intervenção do goleiro. 

No lance seguinte, o Atlético-MG começou a construir a vitória tranquila. Após cobrança de escanteio curto, Hulk recebeu de Paulinho e levantou pra área, encontrando o zagueiro Maurício Lemos livre para cabecear e marcar o seu segundo gol no estadual.

Aos 15, o alvinegro chegou ao segundo. Em outra grande jogada, Hulk pedalou, driblou o defensor do Democrata e cruzou rasteiro para Zaracho empurrar a bola para o fundo das redes, sem chances para o goleiro Luis Augusto.

Dez minutos depois, o Galo quase ampliou com Edenilson. Em belo lançamento de Mariano, o meia recebeu livre, invadiu a área e finalizou no canto, mas a bola passou raspando a trave. Quatro minutos depois, Guilherme Arana arriscou de fora da área, o goleiro rebateu.

Com o jogo controlado, o Galo seguiu criando boas oportunidades e, aos 41, chegou ao terceiro gol. Zaracho arrancou da esquerda para o meio, tocou para Paulinho, que encontrou Edenilson livre na entrada da grande área. O camisa 8 chutou rasteiro no canto direito, sem chances para goleiro da Pantera.

Nos acréscimos, Hulk quase ampliou o placar. Em jogada de contra-ataque, o camisa 7 arrancou em velocidade, invadiu a área, mas na hora de balançar as redes, errou o chute e desperdiçou a grande chance.

  • Primeiros toques de Scarpa e goleada sacramentada

Na segunda etapa, o técnico Luiz Felipe Scolari mexeu no time e promoveu a estreia de Gustavo Scarpa no lugar de Igor Gomes. Com o placar favorável, o Galo diminuiu o ritmo de jogo, mas seguiu com mais posse de bola e com o controle da partida.

A primeira boa oportunidade de balançar as redes mais uma vez veio aos 11 minutos. Após boa troca de passes, Hulk recebeu livre pela esquerda e chutou forte e rasteiro, mas acertou a bola na trave.

O Democrata-GV não oferecia perigo ofensivamente, e o Atlético-MG se manteve presente no campo de ataque. Aos 16, Zaracho recebeu livre na direita e chutou forte, mas Luis Augusto fez boa defesa.

Aos 30, a dupla Scarpa e Hulk começou a dar as caras em campo. Em jogada pela esquerda, o atacante tocou em profundidade para o meia, que invadiu a área e tentou a devolução para o camisa 7, mas a defesa interceptou na hora certa, cedendo o escanteio.

A vitória que já estava encaminhada, foi sacramentada aos 36 minutos minutos, Hulk desencantou e transformou a vitória em goleada. Em contra-ataque rápido, o atacante recebeu pela esquerda, dominou a bola e chutou forte, sem chances para o goleiro adversário.

  • Classificação e olho no clássico

Com o triunfo, o Galo divide a liderança do Grupo B ao lado do Villa Nova, ambos com três pontos conquistados. Na próxima rodada, o alvinegro terá pela frente o clássico contra o Cruzeiro, no sábado (3), às 19h30, na Arena MRV.