Eduardo Baptista elogia desempenho do Sport e critica gramado do Joia da Princesa
Além de falar sobre a meta de pontuação antes da Copa, Eduardo garantiu que reforços estão chegando no Leão (Foto: Aldo Carneiro/Pernambuco Press)

Eduardo Baptista classificou a vitória do Sport como guerreira e não poupou críticas ao gramado do estádio Joia da Princesa, em Feira de Santana, na Bahia. Segundo ele, os dois times foram prejudicados pelas condições da grama, mas os pernambucanos souberam se adaptar. Por conta disso, conquistaram a vitória com um gol de falta marcado por Neto Baiano logo no início do segundo tempo.

"É inadmissível um jogo de primeira divisão aqui. O Vitória foi prejudicado como o Sport também. Voltamos com a proposta de usar a bola parada e esse jogo repõe os pontos perdidos contra o Corinthians", explicou o treinador.

Eduardo elogiou aos jogadores mais sacrificados, os laterais Igor e Renê. "Igor sofre por jogar do outro lado, mas em nenhum momento se opôs em jogar ali. Renê amadureceu e foi brilhante. O lado dele era muito difícil de marcar, brigou no alto e por baixo. É um atleta pronto para a primeira divisão", enfatizou Baptista.

O técnico também comentou sobre suas pretensões de pontuação. Nas primeiras rodadas, o objetivo era de 18 pontos; depois, foi reduzido para 15. Agora, o time só pode chegar aos 14 pontos, se vencer o Bahia na próxima quarta-feira (4), na Ilha, em jogo adiado da quinta rodada.

"A torcida tem que vir com a gente porque os três pontos nos colocam muito bem no campeonato. É importante acabar com uma pontuação boa porque nos dá o conforto que precisamos para trabalhar", salientou.

O comandante ressaltou que o Sport enfrentou três das cinco melhores equipes da competição nessa reta inicial de campeonato: Cruzeiro, Corinthians e Internacional. "Chegamos próximos da pontuação, mas enfrentamos equipes do G5. Isso tem que ser levado em consideração. Temos que chegar aos 14 pontos para recuperar alguns jogadores lesionados e voltarmos fortes no segundo semestre", afirmou.

Eduardo também explicou que a diretoria já está trabalhando para reforçar o elenco, principalmente o setor de meio-campo, na pausa para a Copa do Mundo. "Na parada tem algumas coisas que a diretoria está correndo atras. Atletas estão sendo tentados", pontuou. Para o jogo diante do Bahia, o volante Rodrigo Mancha cumprirá suspensão pelo terceiro cartão amarelo e desfalcará o Leão.

VAVEL Logo