André desconhece negociações, mas afirma: "Quero ficar no Sport, gosto do Sport"
(Foto: Williams Aguiar/Sport Recife)

O Sport seguiu a programação de treinamentos estipulada com antecedência. Realizou treinamentos nessa quarta-feira (25) no Centro de Treinamento José de Andrade Médicis de olho no confronto contra o hexacampeão brasileiro Corinthians, em jogo válido pela penúltima rodada do Campeonato Brasileiro da Série A, à ser realizado no domingo (29), na Arena Pernambuco, em São Lourenço da Mata/PE.

Após as atividades do dia, o atacante André concedeu entrevista coletiva à imprensa. Junto com seu pai, uma espécie de conselheiro, ambos falaram sobre a permanência do centroavante na equipe rubro-negra. Após chegar com muita desconfiança e vários questionamentos sobre seu futuro aproveitamento no clube, as estatísticas, as atuações e os gols comprovaram que a contratação foi certa. Com 12 gols marcados na atual edição do Campeonato Brasileiro, André está a dois tentos de igualar a marca de Luís Carlos, maior artilheiro do Leão da Praça da Bandeira em edições do Brasileirão.

Com números positivos, cresceram recentemente as especulações sobre sua saída do clube. Emprestado pelo Atlético-MG até o fim deste ano, a tendência é que o Galo tente fazer negócio com o jogador, e aproveitar a boa fase do atleta para obter retorno financeiro. Apesar de todas as informações, o atacante se mostra decidido a continuar no Sport, embora desconheça o que possa acontecer daqui para frente.

“Em 2015, vai ser meu último jogo sim. Mas para o futuro não dá para falar nada ainda. Eu nem sei ainda se volto para o Atlético, como é que vai ser a minha situação. Se depender de mim, já cansei de falar isso, quero ficar no Sport, gosto do Sport. São situações muito complexas, não dá para falar certo. Como eu falei, não sei nem se volto para o Atlético e fico lá nesses seis meses que tenho de contrato”, afirmou André.

Apesar de tanta especulação sobre seu nome e possíveis destinos para a temporada 2016, André não procura seu empresário para saber onde irá jogar no ano que vem. “Dá curiosidade sim. Mas, é meio que sofrer um pouco antes. Prefiro saber quando estiver bem avançado. Claro que eu queria saber uma decisão. Tomara que isso se resolva logo”, concluiu.

VAVEL Logo