Recordar é viver: fantasma de 1950 que assombra o clássico entre Brasil e Uruguai
Recordar é viver: fantasma de 1950

Um dos maiores clássicos entre seleções, Brasil e Uruguai se enfrentam na próxima quinta-feira (23), às 20h (de Brasília), no estádio Centenário, pela Eliminatória da Copa do Mundo 2018. O duelo entre o líder e o vice-líder já pode significar ao vencedor uma classificação para a próxima edição do torneio da Fifa, que será realizado na Rússia.

Brasil e Uruguai é um clássico antigo e já até decidiram Copa do Mundo. Na edição de 1950, realizada no Brasil, a Seleção Celeste conquistou o título em pleno Maracanã ao derrotar a Seleção Brasileira, no episódio que ficou conhecido como 'Maracanazzo'.

Com base na história deste clássico, a VAVEL Brasil preparou diversos especiais sobre o confronto. Neste aqui, vamos relembrar a única vez que Brasil e Uruguai decidiram uma Copa do Mundo. Confira abaixo

Recordar é viver: o fantasma celeste da Copa do Mundo de 1950

Devido a Segunda Guerra Mundial, a Copa do Mundo ficou sem ser realizada desde a edição de 1938, na França. O torneio voltou a ser organizado pela Fifa em 1950, tendo o Brasil como o país sede. O estádio do Maracanã foi construído justamente para a competição e recebeu quatro jogos da Seleção Brasileira, além de ter sido o palco da final - quando recebeu cerca de 200 mil torcedores.

A Espanha teve a melhor campanha da fase de grupos, tendo vencido os três jogos disputados. O Brasil teve a segunda melhor campanha, tendo vencido dois e empatado um. Junto deles, Uruguai e Suécia também avançaram para o quadrangular final.

No quadrangular final, o Brasil atropelou a Suécia por 7 a 1 logo na primeira rodada, com direito a quatro gols de Ademir de Menezes. Na segunda rodada, nova goleada, desta vez por 6 a 1, contra a Espanha - que teve a melhor campanha da primeira fase.

O Brasil goleou os dois jogos e chegou na última rodada precisando do empate para conquistar o título da Copa do Mundo pela primeira vez. O adversário final era o Uruguai, que havia empatado com a Espanha e vencido a Suécia no sufoco.

Diante de cerca de 200 mil torcedores no Maracanã, o Brasil segurou o empate contra o Uruguai até os 35 minutos do segundo tempo, quando Ghiggia desempatou a partida e marcou o gol do título da Celeste, de virada, no episódio que ficou marcado como 'Maracanazzo' e assombrou o futebol brasileiro durante anos.

VAVEL Logo