Júlio Sérgio destaca eficiência e pontas do Coritiba contra Náutico
Julio Sergio em Coritiba 3 a 1 Náutico (Coritiba FC / Divulgação)

O Náutico, enfim, foi brecado na Série B 2021. Nesta sexta-feira (30), jogando no Couto Pereira, a equipe pernambucana perdeu a invencibilidade ao jogar contra o Coritiba, por 3 a 1, na 15ª rodada do certame. O auxiliar de Gustavo Morínigo, suspenso para a partida, valorizou a eficiência da equipe.

Júlio Sérgio destacou, também, o placar. "Nós conseguimos ser eficientes dentro daquilo que era a nossa proposta de jogo. Nós conseguimos cumprir bem as funções tanto de marcação como de saída de jogo. Acabamos fazendo os gols que proporcionaram no segundo tempo mais conforto, tomamos um gol, mas soubemos aproveitar uma bola parada para fazermos 3 a 1", comentou.

O Coxa foi bastante ofensivo ao longo da peleja. No 4-2-3-1 de Julio Sergio, a equipe finalizou dezesseis vezes (contra nove dos adversários), acertando três (os pernambucanos deram três chutes em direção ao gol. Também no 4-2-3-1 e comandado pro Hélio dos Anjos, o Timbu teve mais posse de bola: 55%.

Pontas definidores

Dois dos grandes destaques da peleja vieram das extremidades do campo: Igor Paixão marcou um tento e deu uma assistência, com Waguininho também marcando uma vez. Julio Sergio também elogiou a dupla: "A função tática que esses jogadores exercem pelos corredores é fundamental, a gente tem bons atletas para fazer essa função e eles estão sendo importantíssimos. Às vezes eles não aparecem em oportunidades de gol, mas eles têm uma função determinante para que a gente tenha segurança na parte defensiva e possa explorar a velocidade", finalizou.

VAVEL Logo