Guarani deixa escapar vitória no fim diante do Ceará, mas mantém liderança da Série B

Vozão sai na frente, Bugre vira a partida ainda no primeiro tempo, mas Arthur sai do banco para salvar visitantes da derrota

Guarani deixa escapar vitória no fim diante do Ceará, mas mantém liderança da Série B
Foto: Gabriel Ferrari / GuaraniPress
Guarani
2 2
Ceará
Guarani: Leandro Santos; Lenon, Diego Jussani, Willian Rocha e Salomão; Auremir, Evandro, Bruno Nazário, Fumagalli (Richarlyson), Rafael Silva (Juninho); Caíque (Claudinho)
Ceará: Everson; Tiago Cametá, Valdo, Luiz Otávio e Romário; Raul (Lelê), Pio, Pedro Ken e Ricardinho (Arthur); Elton e Cafu (Wallace Pernambucano).
Placar: 0-1, min. 08, Pio. 1-1, min. 34, Caíque. 2-1 min. 42, Fumagalli. 2-2, min. 85, Arthur.
ÁRBITRO: Adriano Milczvski auxiliado por Ivan Carlos Bohn e Pedro Martinelli
INCIDENCIAS: Partida válida pela 15ª rodada do Campeonato Brasileiro Série B

Guarani e Ceará se enfrentaram na noite desta terça-feira (18), em Campinas, pela 15ª rodada do Campeonato Brasileiro Série B. A equipe visitante saiu na frente, com um gol de Pio, o Bugre virou a partida com gols de Caíque e Fumagalli, mas Arthur entrou no fim da partida, e empatou a partida.

Com o empate, o Bugre segue na liderança da Série B. O Guarani segue empatado com o Juventude, as duas equipes com 27 pontos. O Bugre volta a entrar em campo no próximo sábado (22), contra o CRB, no Rei Pelé, às 19h.

O Ceará com esse empate, segue perto do G-4, com 22 pontos em 15 jogos. O Alvinegro volta a campo pelo Brasileiro Série B na próxima sexta-feira (21), contra o Goiás, às 21h30, no estádio Castelão.

Ceará sai na frente mas Guarani vira no final da primeira etapa

Logo no início da partida, os visitantes abriram o placar. Em cobrança de falta, Pio bateu no ângulo direito de Leandro Santos e abriu o placar. O Guarani teve sua primeira grande chegada aos 30 minutos. Juninho recebeu com liberdade pelo lado esquerdo e arriscou o chute de longe. Éverson se esticou todo para mandar para escanteio.

O Bugre pressionava pelo empate. Aos 33 minutos, Fumagalli bateu escanteio direto para o gol e Éverson conseguiu evitar o gol olímpico. E aos 34, o Guarani conseguiu empatar a partida. Bruno Nazário bateu escanteio fechado na primeira trave. Caíque subiu mais que a defesa, e empatou a partida.

Após empatar, o Bugre foi com tudo atrás da virada. Aos 38, em um bate rebate dentro da área, a bola sobrou para Auremir, que de fora da área, arriscou um chute colocado, e a bola passou muito próxima à trave de Éverson. Aos 42, o Guarani virou a partida. Em um pênalti para o Bugre, Fumagalli bateu no canto esquerdo de Éverson e virou para os mandantes.

Arthur entra no final e salva Ceará da derrota

Na segunda etapa, quem chegou primeiro na frente foi o Bugre. Aos seis minutos, Fumagalli recebeu na intermediária e mandou para área. Juninho ganhou de Valdo, tentou o toque para o gol, mas mandou torto.

Aos 12, em escanteio do Ceará, Leandro Santos saiu errado e Elton bateu, mas o goleiro bugrino salva o Guarani. Aos 24 minutos, Fumagalli bateu falta na entrada da área e a bola foi rente ao gol, e tocou na rede pelo lado de fora.

Aos 37, Ricardinho saiu para a entrada de Arthur. E aos 40, após batida de Elton, Leandro Santos fez uma grande defesa e no rebote, Arthur, que tinha acabado de entrar, empatou para o time visitante. Aos 46, o Bugre quase desempatou a partida. Em cobrança de escanteio, a bola sobrou para Auremir que chutou e a bola subiu, levando perigo para Éverson, mas indo para fora. Assim, o Bugre manteve-se em primeiro, mas perdeu a chance de abrir vantagem na primeira colocação.

Ceará