Tcheco exalta atuação do Coritiba, mas mantém cobrança: "Temos obrigação de subir"
Foto: Comunicação / Coritiba Foot Ball Club

Tcheco exalta atuação do Coritiba, mas mantém cobrança: "Temos obrigação de subir"

Comandando interinamente, Tcheco reconheceu que vitoria é crucial para bom inicio do novo comandante

luan-amaral
Luan Amaral

O Coritiba conquistou sua primeira vitoria na Série B do Campeonato Brasileiro de 2018. O confronto valido pela segunda rodada foi contra o Atlético-GO no Couto Pereira nesta terça-feira (17). Depois de demitir o antigo treinador Sandro Forner, logo após perder na estreia na competição, a equipe Coxa-Branca conseguiu a vitoria sobre os olhares do novo comandante, Eduardo Baptista; Tcheco comandou a equipe interinamente. O gol da equipe de Curitiba foi marcado por Vinícius Kiss.

Alem do resultado positivo a equipe alviverde se comportou bem e fez uma boa partida. Com pouco tempo de trabalho, o treinador interino, Tcheco, conseguiu mostrar alguma evolução da equipe. O ex-jogador e atual membro da comissão técnica, garantiu que foi na base da conversa.

“Foi um pouco na base da conversa. Treinamos 20 minutos ali na parte tática. Mudei um pouco nos extremos do time. O pensamento nosso da comissão foi esse e tivemos uma boa conversa com o elenco”, comentou.

Sem alterar muito o formato da equipe, Tcheco também comentou a postura da equipe que foi diferente, se comparado aos últimos jogos do Coritiba. A equipe criou diversas chances de gol e poderia sair com um placar mais elástico. A boa apresentação serve também para trazer tranquilidade para o inicio de trabalho de Eduardo Baptista que assume a equipe na próxima rodada.

"Acredito que além da conversa, do que os atletas acreditaram no que passamos para eles, o técnico novo estava vendo o jogo, a torcida estava cobrando e com razão. Os atletas conseguiram assimilar e merecem os parabéns pela partida", ressaltou o treinador interino.

A boa vitória ameniza a crise vivida no Couto Pereira, já que a sequência da competição trará dez dias de preparação, o que pode ser positivo para ambientação da nova comissão técnica. Tcheco reconhece a importância dos jogadores assimilarem que o triunfo seria crucial para a sequencia da competição. 

"Sabíamos que estava em cheque a qualidade de alguns jogadores. Eles têm que saber da responsabilidade deles e o Eduardo vai encontrar um grupo mais leve, e temos a obrigação de subir e os atletas entendem isso”, concluiu.

Os dez dias de preparação até o confronto contra o Criciúma, será como uma pré-temporada para o Coritiba. Eduardo poderá acertar detalhes para a partida que será realizada sexta-feira (27) as 21h30, no Couto Pereira. 

VAVEL Logo
CHAT