Claudinho faz golaço, e RB Bragantino sonha com Libertadores após complicar Vasco
Foto: Rafael Ribeiro/Vasco

Um jogo para esquecer. Assim o torcedor do Vasco pode classificar a goleada por 4 a 1 sofrida para o RB Bragantino na última quarta-feira (20) em Bragança Paulista pela 31ª rodada do Campeonato Brasileiro.

A vitória incontestável do RB Bragantino teve grande atuação de Claudinho, que marcou dois gols e deu assistência que abriu caminho para o placar elástico. Aos 14 minutos de jogo, ele mandou a bola na área e Ramires cabeceou firme para fazer 1 a 0. 

Fernando Miguel evitou o segundo gol com a ponta dos dedos após chute de fora da área de Helinho que ainda bateu na trave e em uma bomba de Artur que o goleiro espalmou. 

Luxemburgo notou que o time não conseguia jogar e trocou Juninho por Yago Pikachu ainda no primeiro tempo, aos 30 minutos. Apesar disso, o cruzmaltino chegou só em cabeçada fraca de Cano que Cleiton encaixou.

Segundo tempo que selou a vitória paulista

O Vasco retornou do intervalo com Vinícius e Carlinhos nas vagas de Talles Magno e Caio Lopes. Apesar disso, o RB Bragantino continuou melhor e assustou em tentativas de Claudinho, Artur e Hurtado. O time mostrou ainda força na bola parada e ampliou em jogada ensaiada que Artur mandou para a área. Livre de marcação, Claudinho soltou a bomba e estufou a rede do Vasco. 

Na sequência Luxemburgo sacou o lateral Léo Matos e o volante Léo Gil para colocar os meio-campistas Marcos Junior e Gabriel Pec. Um dos xodós da torcida, o jogador da base cruzmaltina correspondeu às expectativas da torcida e marcou o gol de honra em lance de puro oportunismo. Carlinhos encheu o pé, Cleiton rebateu e Pec tocou para o fundo da rede.

O RB Bragantino não se intimidou com o gol sofrido e manteve a pressão na saída de bola. Aos 40, Hurtado roubou de Andrey e o venezuelano acionou Claudinho. O camisa 10 ajeitou e marcou o 15º dele no Brasileirão, o que praticamente definiu a vitória.

Nos acréscimos, Gabriel Pec ainda acertou a trave ao cruzar uma bola na área que fez uma curva e assustou Cleiton.

A noite, no entanto, era do time paulista. Os três pontos estavam garantidos, mas ainda deu tempo de Hurtado ampliar em cobrança de falta.

Classificação e próximos jogos

Com este resultado, o Vasco da Gama caiu para o 16º lugar, o primeiro clube fora da zona de rebaixamento. Terceiro colocado no Brasileirão, o Atlético-MG é o adversário da 31ª rodada, em confronto marcado para sábado (23) em São Januário. 

Já o RB Bragantino pulou para a 10ª posição, com 41 pontos, e volta a campo apenas na segunda-feira (25), quando enfrenta o Corinthians em Itaquera.

VAVEL Logo