Agente de Schumacher nega desistência por parte dos médicos para fazer piloto despertar
Schumacher segue em coma desde o acidente em dezembro (Foto: Motorsports.com)

Após informações divulgada pelas revista alemã Focus, de que os médicos teriam desistido de tentar acordar Michael Schumacher, o manager do ex-piloto alemão, Sabine Kehm, desmentiu essa notícia veementemente.

"Essa fase de despertar, pode levar um longo tempo, o que pode levar a muitas interpretações erradas", disse Kehm à agência de notícias alemã DPA.

Kehm ainda ressaltou que qualquer mudança no estado clínico do piloto será informado de forma oficial pelo corpo clínico que o atende, por enquanto o seu estado permanece inalterado.

VAVEL Logo