México: a Copa das Confederações é a salvação
Os jovens são as grandes apostas do time mexicano, e Chicharito é uma delas (Foto: AFP)

Mesmo sendo o atual campeão olímpico e da Copa Ouro, o México deve ter muitas dificuldades na Copa das Confederações. O time não vem convencendo o seu torcedor e passa por muitos problemas na disputa das eliminatórias da América do Norte e Central, considerada fácil.

O representante da Concacaf tem cinco empates e uma vitória em seis partidas nas eliminatórias e só estaria se classificando de maneira direta para a Copa de 2014 porque os outros adversários tem se esforçado para fazer campanhas piores.

Brasil: a dura missão de reconquistar o público na Copa das Confederações

Itália: juventude e experiência que se misturam em busca do tom perfeito

Japão: disposto a surpreender

Mesmo contando com um excelente atacante, Chicharito Hernández, do Manchester United, a equipe demonstra muitas dificuldades para marcar - são apenas três gols em seis jogos – devido a falta de criação de jogadas e a equipe é constantemente criticada pela imprensa local por não conseguir aproveitar o seu principal jogador.

Em um grupo complicadíssimo – o Grupo A conta com Brasil, Japão e Itália – os mexicanos apostam no bom retrospecto atual contra a Seleção Brasileira e em tentar surpreender os outros dois adversários para, quem sabe, conseguir uma vaga nas semifinais. Entretanto, a missão é muito difícil e o México não deve se classificar para o mata-mata. 

Jogos

México x Itália – 16 de junho, 16h, Maracanã
Brasil x México – 19 de junho, 19h, Castelão
Japão x México – 22 de junho, 16h, Mineirão

Elenco

Goleiros: Ochoa (Ajaccio), Corona (Cruz Azul) e Talavera (Toluca).
Defensores: Rodríguez (Club América), Salcido (Tigres), Reyes (Club América), Molina (Club América), Moreno (Espanyol), Torres (Tigres), Mier (Monterrey), Flores (Cruz Azul).
Meio-campistas: Torrado (Cruz Azul), Barrera (Cruz Azul), Dos Santos (Mallorca), Aquino (Villarreal), Herrera (Pachuca), Zavala (Monterrey) e Guardado (Valencia).
Atacantes: Reyna (Pachuca), De Nigris (Monterrey), 'Chicharito' Hernandez (Manchester United) e Jimenez (Club América).
 

VAVEL Logo