Óscar Tabárez: "Desde o sorteio sabíamos que o jogo para ganhar era contra a Nigéria"

Começando sua conferência de imprensa dizendo que o jogo a vencer era o desta quinta-feira (20), Óscar Tabárez se mostrou contente com a vitória, falou sobre o sucesso da mudança de esquema tático e explicou algumas opções feitas durante a partida. Algumas frases do maestro Tabárez:

"Demos um grande passo às semi-finais. Não estamos lá, mas equilibramos nossa situação". Tabárez explicou que "neste ciclo, nunca havíamos jogado com os 3 atacantes da forma que jogaram. Nos pareceu válida a aposta, e nos saímos muito bem". Sobre a troca de Suárez por Coates, o técnico também deu explicações: "as vezes o time que começa é modificada de acordo com o rival que estamos enfrentando". Além disto, o treinador uruguaio falou sobre o início de pressão intensa e a queda de rendimento após o gol marcado cedo: "conseguimos pressionar muito bem no início do jogo, mas logo a Nigéria tomou o domínio das ações até o 2º tempo, quando nos colocamos em vantagem e trabalhamos muito bem defensivamente".

Perguntado sobre a postura dos torcedores presentes à Arena Fonte Nova, o técnico alfinetou os brasileiros: "alguns dizem que somos estraga-prazeres, o que para nós é um elogio. Muitas vezes a festa está preparada para que ganhe um e ganha o outro. Geralmente causamos incômodo e isso pode resultar em antipatia". Tabárez finalizou dizendo que "poderíamos ter liquidado o jogo antes, mas estamos muito satisfeitos".

Lugano, seu gol e os elogios a Forlán

O zagueiro Diego Lugano passou pela zona mista e falou um pouco com a imprensa. Disse que mesmo com o segundo cartão amarelo, provavelmente não jogaria contra o Taiti, para ser poupado. Sobre seu gol, preferiu dividir os méritos com a equipe: "estou muito contente e muito tranquilo, pois era um jogo para dar tudo, como sempre, e nós fizemos tudo muito bem". Também falou sobre seu xará, Diego Forlán, autor do gol da vitória: "é uma referência em todo este processo pelo qual a seleção e o futebol uruguaio vem passando nos últimos anos. Mostra sua classe diferenciada em todos os jogos, ele quem tem a cabeça fria para colocar a bola no chão, e nossa equipe depende muito dele".

VAVEL Logo