Com três golaços, Chivas vence Seattle Sounders e avança na Concachampions

Na madrugada de quarta (14) para quinta-feira (15), Chivas Guadalajara e Seattle Sounders se enfrentaram no México, em partida válida pelo jogo de volta das quartas de final da Liga dos Campeões da CONCACAF. E após ser derrotado por 1 a 0 no jogo de ida, o clube mexicano levou a melhor: vitória por 3 a 0, com gols (belíssimos!) de Oswaldo Alanís, Javier López e José Godíñez, e vaga garantida na próxima fase.

Antes de mais nada, é necessário destacar que o clube de Guadalajara não contou com o seu camisa 9 Alan Pulido, suspenso por acumulo de cartões amarelos.

O Chivas jogou da maneira que todos (incluindo os Sounders) esperavam: teve a posse da bola, mostrou organização e teve chegadas claras que não conseguiu concretizar em gols.

Entretanto, o Seattle chegou a anular e a assustar o Rebaño na primeira etapa, apesar de não contar com seu capitão Nicolás Lodeiro, lesionado, e mesmo perdendo dois titulares por lesão durante o primeiro tempo (Will Bruin, aos 8’, e Chad Marshall, aos 34’).

Porém, o bom momento dos americanos não durou muito e os tapatíos tiveram ao menos três chances claras de gol, que não conseguiram converter na primeira etapa: Jair Pereira cabeceando, aos 12', José Godínez, após belo cruzamento de Carlos Cisneros, aos 24', e uma finalização desviada de Javier López, aos 32'.

Nos 45 minutos complementares, o Chivas encontrou a contundência que não teve no primeiro tempo. E com muita precisão em três lances, conseguiu reverter o placar agregado para 3 a 1.

Aos 5 minutos, o zagueiro da seleção mexicana Oswaldo Alanís abriu o placar em uma bela cobrança de falta, no ângulo direito do goleiro Stefan Frei. Foi o gol necessário para igualar o placar agregado e incendiar o estádio Akron.

Os visitantes sentiram o golpe e, somente quatro minutos depois, aos 9’, mais um golaço: Isaac Brizuela lançou em profundidade Javier “La Chofis” López, que chapelou o goleiro e completou para o gol vazio.

Explorando os contra-ataques, o Chivas fechou o placar aos 35’, com gol de letra de José Godíñez, após nova assistência de Brizuela. Final: Chivas 3 a 0, e vaga na próxima fase garantida.

Na semifinal, o Chivas Guadalajara enfrenta o New York Red Bulls. Enquanto do outro lado, o rival América enfrenta o Toronto FC. Ainda não há definição sobre datas e horários, mas os jogos devem ocorrer nas primeiras semanas do mês de abril.

VAVEL Logo