Pela Série B, Santa Cruz recebe o líder América-MG nos Aflitos
Equipes se enfrentando em 2000 (Foto: Jorge Gontijo/Estado de Minas)

Na noite desta sexta-feira (23), ás 19h30, nos Aflitos, o Santa Cruz terá a difícil missão de acabar com a sina de empates, para se afastar da incomoda zona de perigo na tabela. O tricolor recebe nada menos que o líder da competição, o América-MG.

Há sete partidas que o Santa Cruz não perde e nem ganha, só empata. Pelo Campeoanto Brasileiro da Série B são seis empates em seis rodadas disputadas. Na tabela de classificação, o a Cobra Coral está ocupando a 14ª posição.

Já o América-MG vem de uma boa sequência, somando cinco vitórias e apenas um empate, o que habilita o Coelho está na liderança, com 16 pontos somados.

Santa Cruz segue em busca da primeira vitória

Se tem uma invencibilidade que incomoda o torcedor coral, está é a do momento atual do clube que ainda não perdeu na Série B, mas que também ainda não conseguiu três pontos e uma partida.

Se vencer, os corais irão fazer a festa de portões fechados e nos Aflitos, devido a uma punição imposta ao clube, pela morte de um torcedor que foi atingido por uma vaso sanitário, atirado de dentro do Estádio do Arruda.

O treinador Sergio Guedes que elogiou sua equipe na ultima partida diante do Oeste, ainda não divulgou a escalação, mas a tendência é que o comandante mantenha os onze jogadores  que atuaram em Itápolis.

A única dúvida fica em relação ao atacante Pingo, que está com um desgaste acima da média e foi poupado no último treino. Se  atleta não estiver em condições, o provável substituto é o atacante Flávio Caça-Rato, que fará novamente dupla com Léo Gamalho.

O comandate tricolor comentou sobre a manutenção da equipe que jogou na última terça-feira.

“A tendência é que mantenha a mesma escalação. Mas é cedo e ainda vou esperar uma resposta por parte dos fisiologistas, pois a minha preocupação é em relação ao desgaste físico de alguns jogadores, como é o caso de Pingo. Mudanças mesmo, deveremos ter na escalaçãotática, com uma variação para confundir o adversário”, destacou.

O destaque negativo na equipe coral é ausência do meio-campista Natan, que estaria apto para o jogo desta noite, porém, no treinamento de ontem voltou a reclamar de dores na coxa esquerda durante o recreativo e fará um exame de imagem para avaliar a lesão.

América quer Manter a boa fase

Invicto na competição, o Coelho volta a contar com dois reforços importantes para esse confronto, o atacante Ricardinho e o volante Andrei Girotto, que cumpriram suspensão na vitória de 3 a 1 sobre o Joinville, na última terça-feira, no Mineirão.

Recheados de jogadores conhecidos do futebol brasileiro e pernambucano, o treinador Moacir Júnior terá as opções de escalar os meias Mancini e Henrique, grandes destaques na partida diante do JEC.

Sobre a boa fase que vive, o meia-atacante Henrique falou sobre sua última partida e garantiu um bom jogo diante do Santa Cruz.

"Graças a Deus eu pude ajudar meus companheiros, em um jogo muito intenso contra o Joinville. O grupo está recuperado e muito bem preparado para esse jogo também, que será outro grande desafio fora de casa. Temos condições de voltar com um bom resultado, mantendo a nossa liderança”, declarou.

O comandante não confirmou a equipe que entrará em campo, pois ele ainda analisará um vídeo sobre o adversário e conversará com os atletas antes de definir a escalação.

“Temos jogadores que estão mais desgastados do que os outros. Então, vamos conversar com eles, sentir como eles estão, para depois não prejudicarmos nossa equipe”, afirma o treinador.

Outros conhecidos jogadores que estarão do lado do América-MG são: os volante Leandro Gurreiro e Magrão, ex-Náutico, o meia-atacante Willians, ex-Sport e o atacante Obina.

VAVEL Logo