Mano Menezes afirma que o time não sentiu novamente ao jogar na Arena Corinthians
Mano lamentou o empate diante o Botafogo, e negou ter recuado o time (Foto: AFP)

O técnico Mano Menezes tratou o empate de 1 a 1 do Corinthians diante o Botafogo como um jogo normal, e ainda disse que o time não soube fazer o resultado, após abrir o placar e levar um gol no final da partida. O comandante do Timão deixou claro que os jogadores não sentiram a empolgação que ocorreu no jogo de estréia da Arena Corinthians, quando o alvinegro foi derrotado pelo Figueirense. Mesmo em terceiro lugar na classificação, e vindo de duas vitórias, parte dos 37 mil torcedores vaiaram o time no fim da partida, e Mano foi considerado o culpado pelo empate.

"Não penso que o Corinthians sentiu o jogo hoje. Na estreia, contra o Figueirense, tinha a tensão, a empolgação, a festa, o primeiro momento. O time hoje estava completamente diferente e preparada para fazer um jogo normal. Se não fizemos o resultado, foi porque não soubemos fazer o resultado." disse Mano Menezes.

Mano Menezes disse que o Corinthians poderia estar na liderança, se não tivesse deixado escapar a vitória em alguns jogos, após o time sair na frente do marcador, e ainda citou as vezes em que isso ocorreu. Para o técnico do Corinthians, falta alguma coisa para que o time tenha um rendimento melhor, e ele vê a parada para Copa do Mundo bem positiva, já que o time vai estar com um elenco mais forte, Elias vai poder reestreia pelo Timão, além da chegada do meia Lodeiro, que foi contratado recentemente, e vai disputar a Copa pela seleção do Uruguai.

"Penso que poderíamos estar na liderança sim. Mas sei exatamente porque não estamos. Deixamos escapar em jogos que estiveram à nossa disposição. Contra o São Paulo, quando o jogo se adiantava, sofremos um gol. Sofremos um gol contra o Atlético-PR quando estávamos sendo pressionados. E hoje também. Isso frustra, mas também te mostra que falta alguma coisa para você conseguir um aproveitamento melhor. Espero uma equipe mais forte, um time mais qualificado para o retorno da Copa. Vamos para Extrema para retomar um trabalho num período de sete a dez dias. Num curto espaço de tempo, será muita intensidade." afirmou o comandante do Corinthians.

Na entrevista coletiva, o técnico Mano Menezes justificou as substituições realizadas no segundo tempo, e afirmou que não errou ao tirar Petros e colocar Zé Paulo na partida contra o Botafogo. E negou que tinha a intenção de recuar a equipe ao substituir Jadson, que estava buscando o ataque a todo momento, e colocar Renato Augusto, segundo o técnico do alvinegro, os dois jogadores tem as mesmas características, e com isso não mudaria nada na tática do Corinthians. Mano disse que colocou Luciano no lugar de Romarinho por que o atacante pediu para sair depois que sentiu uma fisgada na coxa.

"Coloquei o Zé Paulo porque precisava de alguém para arrastar a bola e não deixar o time recuar. Ele teve a chance de definir o jogo, mas não fez. Se tivesse feito, estariam dizendo que fui fantástico. Jadson e Renato Augusto são da mesma posição, não muda nada taticamente. A não ser que vocês (jornalistas) me digam que o Renato não tem qualidade ou condição para isso. E a substituição do Romarinho, ele pediu para sair porque sentiu uma fisgada na coxa." completou o técnico Mano Menezes.

VAVEL Logo