Melhor ataque do Catarinense, Tubarão consegue virada e ultrapassa Avaí na tabela
Foto: Divulgação/Comunicação CA Tubarão

Sem muitas pretensões no Campeonato Catarinense e sem vários jogadores titulares, o Avaí saiu na frente, mas outra vez levou a virada em jogo válido pela 16ª rodada. O Tubarão, melhor ataque da competição com 23 gols marcados, conseguiu dois gols na segunda etapa e quebrou a sequência do Leão de seis jogos sem perder fora de casa somando todas as competições. Getúlio fez para os visitantes, enquanto David Batista, de pênalti, e Marcus Índio fizeram para o time da casa.

A primeira etapa foi de poucas oportunidades em Tubarão. E quem aproveitou melhor as raras chances foi o time visitante. Aos 5, Rafinha colocou na área, Getúlio parou primeiro no goleiro, mas pegou bem no rebote e mandou para o fundo do gol, fazendo 1 a 0 para o Avaí no Domingos Gonzales.

Pouco tempo depois, aos 13, Lovat dividiu com Daniel Costa dentro da área e o árbitro marcou pênalti. Na cobrança, Batista parou em ótima defesa de Aranha e, na sequência, David Batista mandou a chance do empate para fora. O Tubarão passou a ter mais posse de bola, conseguiu mais escanteios, mas falhou na finalização.

Aos 26, David Batista arriscou de fora da área, a bola desviou e passou perto da trave avaiana. Já aos 36, após jogada pela direita, a bola sobrou para Guilherme Amorim finalizar, mas novamente o Tubarão viu a bola passar raspando. Três minutos depois, David Batista ganhou no alto após cobrança de escanteio e Aranha teve dificuldades para segurar, mas acabou segurando firme e garantiu a vantagem para o Avaí no intervalo. 

Logo aos 4 da segunda etapa, em jogada de confusão dentro da área avaiana, o árbitro marcou novo pênalti para o Tubarão. Desta vez, foi David Batista quem bateu, forte e no meio do gol, empatando o jogo no sul catarinense. O jogo passou a ficar mais movimentado, e o Avaí por pouco não fez o segundo. Aos 8, Lovat levantou para a área e Getúlio cabeceou, mas parou em Belliato. Dois minutos depois, Rafinha ficou com o rebote na entrada da área e arriscou chute forte, mas mandou por cima.

Aos 21, foi a vez do Peixe chegar com perigo. Batista recebeu na entrada da área, girou para cima da marcação e arriscou chute, mandando perto da trave avaiana. A partir daí, o Tubarão passou a pressionar. Aos 28, após cruzamento na área, Batista dividiu com Aranha e a bola sobrou para Daniel Costa, que finalizou, porém a bola explodiu na defesa e saiu. Na sequência, Índio desviou de cabeça escanteio cobrado para a área e parou na trave. Um minuto depois, Guilherme Amorim recebeu na área, bateu cruzado e parou em ótima defesa de Aranha.

Finalmente, aos 37, o Tubarão conseguiu seu segundo gol. Após cruzamento de Oliveira, David Batista desviou de cabeça no canto e Marcus Índio apareceu praticamente em cima da linha para fazer 2 a 1. O Avaí não teve muitas oportunidades na reta final da partida, e o Tubarão assegurou mais uma vitória no Estadual.

Com 23 pontos, o Tubarão ultrapassa o Avaí, e sobe para o quarto lugar no Catarinense. Já o Leão, que começou a rodada em terceiro, chegou ao quinto jogo seguido sem vitória na competição, e está no quinto posto, com 22.

Na penúltima rodada do Catarinense, o Tubarão visita o Inter de Lages, na quarta-feira (28), às 20h30. No mesmo dia, mas às 21h45, o Avaí joga na Ressacada diante do Brusque.

VAVEL Logo