Enderson reconhece dificuldade e elogia Bahia contra o Paraná
Foto: Felipe Oliveira/EC Bahia

Enderson reconhece dificuldade e elogia Bahia contra o Paraná

Tricolor baiano só conseguiu marcar os gols na reta final

miguel-angelo
Miguel Inácio

Não foi fácil, mas o Bahia bateu o Paraná por 2 a 0 no Pituaçu na noite deste sábado pela 29ª rodada do Brasileirão. O resultado foi construído após os 40 minutos do segundo tempo, com dois gols do meia Vinícius. O técnico Enderson Moreira revelou que já esperava que o adversário fosse dificultar o jogo, mas elogiou a calma do time para construir o resultado.

"Eu estou no futebol há vinte anos. Isso se repete muitas vezes. O jogo é complicado, não é fácil vencer um jogo na Série A, Série B, em qualquer série. O adversário veio com a proposta que teve, atendimentos com o goleiro, por diversas vezes... Os caras vieram para não jogar. O torcedor nos incentivando, nos apoiando, a gente querendo o triunfo... Torna um jogo tenso. Buscamos tranquilidade para buscar o resultado que dava para buscar", disse.

Enderson destacou também o domínio baiano no jogo, criticando mais uma vez a postura do Paraná.

"Eu acho que, no primeiro tempo, o Bahia teve duas ou três oportunidades. Eram chances claras trabalhadas, boas, que a gente poderia ter aberto o placar. Tivemos que ter tranquilidade, depois chutão, de qualquer forma... Não era bem assim. Voltamos abafando, criando boas situações, mesmo assim com o jogo picotado", ressaltou.

O treinador também ressaltou o momento decisivo em que se encontra o Tricolor baiano, que enfrenta o Botafogo pela próxima rodada do Brasileirão. Segundo Enderson, o Bahia tem que buscar o resultado.

"Não tem refresco. A gente está no período que é uma sucessão de jogos decisivos. A gente precisa de todas as formas manter nossa organização, manter o time com boas atuações e buscar o resultado. Temos criado situações para vencer fora de casa, e a gente precisa estar bem preparado para esses confrontos", finalizou.

VAVEL Logo