Tinga neles! Fortaleza vence Clássico-Rei e conquista bicampeonato cearense
Foto: Leonardo Moreira/Fortaleza EC

A torcida do Fortaleza soltou o grito de campeão nesta quarta-feira (21) após ver o time ganhar do Ceará por 1 a 0, com gol de Tinga. O Campeonato Cearense de 2020 é o quarto troféu de Rogério Ceni como técnico - além do bicampeonato estadual, ele venceu a Copa do Nordeste (2019) e a Série B do Campeonato Brasileiro (2018).

Agora o tricolor tem 43 títulos estaduais, dois a menos do que o maior campeão Ceará.

Tricolor sofre, mas levanta a taça na Arena Castelão

Como fez 2 a 1 no jogo de ida, o time comandado por Rogério Ceni poderia perder por até um gol de diferença, mas conseguiu superar o rival e terminar o campeonato com dez vitórias em 11 jogos. A invencibilidade foi quebrada no último dia 4 de março, quando o zagueiro Juan Quintero marcou contra e o Ferroviário ganhou por 1 a 0. 

A finalíssima do Campeonato Cearense teve todos os ingredientes de uma disputa de título, com direito a polêmica, bola na trave, expulsão e emoção até o apito final. 

Só a vitória interessava ao Ceará, que foi pra cima do rival e demonstrou mais volume de jogo durante os noventa minutos, tanto que Vina e Rafael Sóbis acertaram a trave duas vezes num intervalo de quatro minutos, mas a sorte estava do lado tricolor. O gol, no entanto, saiu apenas no segundo tempo. Após jogada de Yuri César, a bola bateu no zagueiro Tiago, explodiu no travessão e enganou o goleiro Fernando Prass. No rebote, Tinga encheu o pé direito e balançou a rede.

O gol foi como um balde de água fria para o Ceará, tanto que a partir daí o técnico Guto Ferreira sacou titulares como Charles, Rafael Sóbis e Vina. O Ceará ainda reclamou de pênalti em lance entre o meio-campista Felipe e o zagueiro Tiago dentro da área, mas após revisão do VAR a arbitragem mandou o jogo seguir.

Durante o clássico os jogadores também se estranharam e houve um princípio de confusão, mas o árbitro Raphael Claus administrou com advertências e cartão amarelo. No final da partida, o alvinegro ainda teve o atacante Leandro Carvalho expulso por reclamação. Ele havia entrado no segundo tempo na vaga de Fernando Sobral.

No final de semana o Fortaleza tem outra decisão pela frente - encara o São Paulo no jogo de volta das oitavas de final da Copa do Brasil. As equipes empataram em 3 a 3 na Arena Castelão e a decisão da vaga ficou para domingo (25) no Morumbi.

Enquanto isso, o técnico Guto Ferreira trabalha na preparação para o confronto diante do Coritiba no sábado (24) pelo Brasileirão.

Todos os jogos do Fortaleza no Cearense 2020

  • Caucaia 0 x 1 Fortaleza
  • Fortaleza 5 x 0 FC Atlético
  • Fortaleza 3 x 0 Pacajus
  • Ferroviário 1 x 0 Fortaleza
  • Fortaleza 4 x 2 Barbalha
  • Guarany de Sobral 0 x 5 Fortaleza
  • Ceará 1 x 2 Fortaleza
  • Fortaleza 1 x 0 Guarany de Sobral (semifinal)
  • Ceará 1 x 2 Fortaleza (final – ida)
  • Fortaleza 1 x 0 Ceará (final - volta)
VAVEL Logo