Em estreia nos Jogos Olímpicos, Brasil goleia China no futebol feminino
Foto: Divulgação / Time Brasil

A primeira participação do Brasil nos Jogos Olímpicos 2020 foi extremamente satisfatória. Jogando no Rakuten Seimei Park Miyagi, a seleção de futebol feminino do país goleou a China por 5 a 0, em partida realizada na estreia do Grupo F da competição. A peleja foi realizada nesta quarta-feira (21). 

O triunfo praticamente coloca as meninas brasileiras nas quartas de final, já que as duas primeiras colocadas avançam diretamente e as duas melhores terceiras colocadas também se classificam. 

Tranquilidade

O jogo foi inteiramente dominado pela Seleção Brasileira. Logo aos quatro minutos, Duda cruzou da direita e Marta não conseguiu chegar na bola. Quatro minutos depois, o primeiro tento: Bia Zaneratto cruzou bola da esquerda e Debinha cabeceou no travessão. No rebote, a Rainha finalizou para o fundo da rede. Com 21 minutos, a vantagem foi dobrada: Bia Zaneratto chutou cruzado, Peng Shimeng espalmou e, sozinha, Debinha ampliou.

Cabia mais: com 22 minutos, após boa jogada de Bia Zaneratto, Andressinha tentou encobrir Peng Shimeng, mas errou por pouco. Com 30, Andressinha alçou bola na área e Érica desviou com perigo. Com 39, a melhor chance da Seleção Chinesa: Miao Siwen chutou forte da entrada da área e Bárbara caiu bem no canto direito para fazer a defesa. 

Aos dois minutos, Wang Shanshan foi lançada por Miao Siwen e Bárbara saiu bem do gol. Com seis, o grande momento chinês: Wang Shanshan chutou a bola na trave direita, com Miao Siwen chutando por cima no rebote. A resposta começou a vir aos treze minutos: Debinha girou na frente da marcadora e chutou forte, com Peng Shimeng espalmando e fazendo com que a redonda beijasse o travessão. Mais uma bola na trave chinesa aos 21 minutos, quando Luo Guiping chutou forte - Bárbara defendeu e a redonda ainda foi na trave direita. Com 26, Bia Zaneratto desarmou Li Qingtong e chutou; Peng Shimeng espalmou. 

O terceiro tento saiu aos 28 minutos: após chutar duas vezes, Marta chuta no canto direito para anotar o 3 a 0. Três minutos depois, Li Mengwen cruzou e Bárbara, em defesa de puro reflexo, espalmou; no rebote, Wurigumula cabeceou no travessão. Com 34, Wang Xiaoxue derrubou Andressa Alves na área e o pênalti foi marcado; ela própria fez a cobrança no canto direito e converteu. Com 40, Bia Zaneratto serviu Debinha, que finalizou da entrada da área por cima do gol. O golpe de misericórdia veio aos 43: Debinha cruzou da esquerda e Bia Zaneratto finalizou com a canhota.

Próximos jogos

Na segunda rodada do Grupo F dos Jogos Olímpicos 2020, a China enfrentará a Zâmbia às 05h (Horário de Brasília), enquanto o Brasil vai encarar a Holanda às 08h. As duas partidas acontecerão no próximo sábado (24), no Rakuten Seimei Park Miyagi.

VAVEL Logo