Luciano Quadros projeta final equilibrada contra o Sergipe
Foto: Emerson Pereira / Falcon FC

Chegar à final estadual em menos de dois anos de vida não é algo que se vê corriqueiramente no futebol brasileiro. E isso acontece com o Falcon. O segundo empate em 1 a 1 com o Confiança na semifinal do Campeonato Sergipano pôs o time da Barra dos Coqueiros na decisão contra o Sergipe. E o técnico Luciano Quadros festejou o feito, que também garantiu ao clube vagas na Copa do Brasil e na Série D do Brasileirão de 2023, além de, no mínimo, disputar a pré-Copa do Nordeste.

"É uma classificação mais do que justa. Merecemos passar para a final até porque a nossa campanha, diante do adversário, foi melhor. Fomos muito comprometidos nesses dois jogos naquilo que pensávamos que tínhamos que fazer para chegar na final", analisa Quadros, que completa:

"Todos estão de parabéns. Os atletas entenderam muito bem a proposta que foi criada e implantada, colocada à risca para ser feita. Conseguimos pôr em prática de maneira brilhante em termos táticos e conseguimos sair daqui com essa grande classificação, colocando o Falcon no cenário nacional", avalia.

Projeção de finais contra o Sergipe

Com as finais na agenda da semana, Luciano Quadros projeta mais dois duelos equilibrados diante do Sergipe. Confiante, o treinador garante que a equipe vai seguir com o seu estilo para buscar o título sergipano.

"O Sergipe chegou à final com seus méritos. É um adversário que conhecemos, enfrentamos duas vezes durante e é o maior vencedor da competição. Porém, vamos manter a nossa forma de jogar, indo para cima, com intensidade e força para vencer o campeonato. O Falcon tem essa postura, de não abrir mão do seu estilo e não será diferente na final", garante Quadros.

Falcon e Sergipe se enfrentam pela primeira partida da final nesta quarta-feira (6), às 20h30, na Arena Batistão. Depois, voltam a se enfrentar no sábado (9), às 

VAVEL Logo