Brasil bate Hungria e conquista primeira vitória em 2022
Foto: Lucas Figueiredo / CBF

Na tarde desta segunda-feira (11), a Seleção Brasileira enfrentou à Hungria, o amistoso foi disputado na Pinatar Arena, na Espanha. Em partida de total domínio brasileiro, as Guerreiras do Brasil venceram por 3 a 1, com dois gols de Gabi Nunes e um da Bia Zaneratto, com isto, a seleção de Pia Sundhage conquistou seu primeiro triunfo na temporada. 

Ataque contra defesa

O Brasil iniciou a partida balanço as redes no primeiro minuto, mas a arbitragem marca falta em cima de Kovács antes, e o gol acabou não sendo validado. A partida era de ataque contra defesa neste início, mas as brasileiras erravam sempre no último terço do campo e não conseguiam converter suas chances em gols, e assim, foi os dez primeiros minutos.

Aos 13, o primeiro gol aconteceu, após escanteio cobrado, a bola passou pela zaga das húngaras, até chegar em Gabi Nunes, a camisa 14 nem precisou subir para cabecear e abrir o placar para o Brasil: 1 a 0.

O Brasil fazia um blitz, a seleção pressionava as húngaras, mas não conseguia ampliar o placar. A maioria dos lances paravam em defesas da goleira Barbara Biró, ou a defesa interceptava, as brasileiras a maioria das vezes conseguiam o escanteio, mas não chegavam à superar a goleira adversária.

Após o Brasil perder muitas chances, aos 34, a Hungria levou perigo pela primeira vez, quando avançaram com perigo até a área brasileira, a Evelin Fenyvesi finalizou, mas a bola passou por cima do gol de Lorena. Dois minutos depois as Mágicas tiveram uma nova chance, desta vez com a Vágó, mas novamente a bola passa por cima do gol.

Até o fim do primeiro tempo as Guerreiras não criaram mais grandes chances, e assim acabou a primeira etapa. 1 a 0 para as brasileiras, que criaram mais oportunidades mas não aproveitaram, já as húngaras não conseguiam levar perigo ao gol verde e amarelo, as únicas duas chances que tiveram, nem acertaram o alvo.

Foto: Lucas Figueiredo / CBF
Foto: Lucas Figueiredo / CBF

Vitória das Guerreiras do Brasil

Segundo tempo começou do jeito que terminou a primeiro, com as brasileiras martelando, tentando aumentar sua vantagem. E aos sete minutos, Bia Zaneratto, que tinha acabado de entrar, conseguiu ampliar para amarelinha, a imperatriz avançou com tranquilidade pelo meio e soltou uma bomba de canhota, superando a goleira adversária e abrindo 2 a 0 para Seleção Brasileira. 

Aos 16, após Adriana cruzar com perfeição, a Gabi Nunes estava dentro da aérea e mergulhou de peixinho para fazer o seu segundo e o terceiro do Brasil na partida: 3 a 0.

Aos 25, o jogo seguia sendo ataque contra defesa, a Seleção Brasileira dominava amplamente a partida, a goleira Lorena era praticamente uma espectadora privilegiada de dentro de campo. As brasileiras não conseguiam marcar o quarto gol, mas martelava no ataque, sem dar chances para as húngaras, até as sobras eram quase todas da equipe brasileira.

A Ingryd acabou cometendo pênalti aos 29 minutos, e dando a oportunidade da Hungria fazer seu primeiro gol. A Csiki cobrou a penalidade muito bem, deslocando a goleira Lorena e descontou para as húngaras: 3 a 1. 

O Brasil queria o quarto gol, mas não conseguiam finalizar com êxito, eram chutes para fora, defesa húngara travava e afastava. As brasileiras tinham total domínio e controle do jogo até o final, mas não mexeram mais no marcador e a partida se encerrou em 3 a 1 para o Brasil.

Foto: Lucas Figueiredo / CBF
Foto: Lucas Figueiredo / CBF

Números da Seleção de Pia Sundhage

Após quatro jogos sem vitórias na temporada, o Brasil vence a Hungria por 3 a 1 e alcança seu 1º triunfo em 2022. A Pia na seleção já acumula 34 jogos, com 19 vitórias, 11 empates e 4 derrotas, são 66,6% de aproveitamento.

Foto: Lucas Figueiredo / CBF
Foto: Lucas Figueiredo / CBF

Próximos jogos

O Jogo de hoje disputado na Espanha encerrou a última Data Fifa antes da Copa América 2022, que será disputada em julho, na Colômbia. Porém, antes da disputa da competição a Seleção Brasileira irá enfrentar a Suécia, no dia 28 de Junho.

VAVEL Logo