Voltando a marcar após 19 jogos, Rogério celebra ajuda na segunda vitória fora de casa do Sport

Atacante que foi fundamental no ano passado enfrentava uma seca de gols, mas voltou a balançar as redes contra o Coritiba

Voltando a marcar após 19 jogos, Rogério celebra ajuda na segunda vitória fora de casa do Sport
Rogério não marcava um gol desde o clássico contra o Santa Cruz, no fim de março(Foto: Williams Aguiar / Sport Club do Recife)

Na noite desta segunda-feira (10), o Sport conseguiu uma vitória maiúscula ao superar o Coritiba em pleno Couto Pereira, pelo placar de 3x0 e encerrou a rodada no G6, zona de classificação à Libertadores da América. Autor do segundo tento Rubro-negro, o atacante Rogério celebrou o fim do jejum de gols em entrevista após a partida.

''Graças a Deus, eu entrei bem para ajudar a equipe. É como o professor fala, vai precisar de todo mundo. Eu ajudei a conquistar os três pontos'', disse Rogério, que após longos 19 jogos sem balançar as redes, marcou o seu nono gol pelo time leonino na temporada 2017.

O atacante fez questão de mencionar as orientações feitas pelo treinador Vanderlei Luxemburgo. E apesar de lamentar as chances desperdiçadas na primeira etapa, exaltou a postura da equipe para manter a pegada no segundo tempo e conquistar a vitória.

''É como o professor fala, a gente tem que se defender bem e atacar nas horas certas para fazer o gol. No primeiro tempo, nós tivemos várias oportunidades de matar o jogo e não conseguimos. Então, no segundo tempo a gente conseguiu manter a pegada que o professor queria'', completou.

Rogério, que foi uma das principais peças para ajudar o Leão na luta contra o rebaixamento em 2016, vinha enfrentando uma série de críticas da torcida rubro-negra por não conseguir manter o desempenho em 2017. A cobrança sobre o atleta ganhou força devido à queda de rendimento ter acontecido logo na época em que o Sport investiu alto para comprar 50% dos direitos do jogador, até então emprestado pelo São Paulo, no início de abril.

O Rubro-negro volta à campo na próxima quinta-feira (13), quando enfrenta a Chapecoense na Arena de Pernambuco. A Chape ocupa a 15ª posição e vem de um empate diante do Atlético Paranaense na Arena Condá, além de já não vencer pelo Campeonato Brasileiro desde a sétima rodada, quando bateu o Vasco.

Sport Club do Recife