Fora dos planos de Milton Mendes, rescisão com Nenê não é descartada

Meia irá ficar de fora dos próximos jogos do Vasco contra Atlético-PR e Cruzeiro e chance permanência é dada como pequena internamente

Fora dos planos de Milton Mendes, rescisão com Nenê não é descartada
(Foto: Paulo Fernandes/Vasco da Gama)

Desde que chegou em 2015, Nenê é tratado pela torcida como ídolo. Contudo, a relação do meia com o clube parece ter esfriado. Sem atuar há duas rodadas, pois pediu para ficar de fora nos jogos contra o São Paulo e Atlético-MG, já que estava a espera de uma proposta, os vascaínos já começaram a se adaptar com ideia de que não poderá mais contar com o camisa 10.

Desta vez, Nenê ficará não atuará nas próximas partidas contra Atlético-PR e Cruzeiro, respectivamente, no Raulino de Oliveira, em Volta Redonda. O Vasco estuda uma rescisão amigável com o atleta, já que ele tem vinculo com o clube até fim de 2018. 

(Foto: Paulo Fernandes/Vasco da Gama)

O meia não está nos planos de Milton Mendes, que já se manisfestou publicamente dizendo que 'se não quer jogar, não joga'. O empresário do jogador, Gilvan Costa, não desconsidera que uma rescisão sairá nos próximos dias.

"É o Vasco que decide", comentou Gilvan.

Nenê fez 108 jogos pelo Vasco e marcou 38 gols com a camisa cruz-maltina, tornando-se o quarto maior artilheiro do clube neste século. Ficou marcado principalmente pela reta final do Campeonato Brasileiro de 2015, onde foi o principal jogador daquele elenco que quase fugiu do rebaixamento.

Club de Regatas Vasco da Gama