Daniel Serra conquista pole para Corrida do Milhão pela Stock Car em Curitiba
(Vanderley Soares/MF2)

O paulista Daniel Serra conquistou a pole e deu um passo importante rumo à sua primeira vitória na Corrida do Milhão, quinta etapa da Stock Car em 2017. Atual vice-líder, o piloto da Equipe RC exibiu uma impressionante demonstração de força neste sábado no Autódromo Internacional de Curitiba-Pinhais ao comandar o segundo treino livre e as três tomadas classificatórias que determinaram a ordem de largada dos 31 carros. Thiago Camilo (Ipiranga/A. Mattheis) fechará a primeira fila. A prova mais esperada do ano pelos pilotos – pagará um milhão de reais ao vencedor – começará às 10h30 e será transmitida ao vivo pela TV Globo.

Se aparece como forte candidato à cobiçada recompensa, Serrinha – filho do tricampeão da Stock Car Chico Serra – sabe que não pode se descuidar dos rivais que o cercam. Um deles é o paranaense Julio Campos (Prati-Donaduzzi), notório especialista no traçado da região metropolitana e que estará partindo em 5º, sua segunda melhor posição de saída no ano e pior apenas que o 4º da corrida passada em Cascavel. Uma vitória e um segundo na capital do estado estão na lista dos resultados expressivos conquistados por Campos no circuito.

Campos ficou satisfeito com seu desempenho e alimenta uma expectativa otimista para a prova. “A gente já sabia que estaria bem nos treinos de hoje, mas o carro ficou um pouquinho traseiro e precisei dar mais voltas do que planejava no Q1. Isso acabou desgastando um pouco mais os pneus que os adversários. Mas é sempre bacana ficar entre os seis. Largando em quinto nos dá a chance de brigar pela corrida, embora o mais importante seja sempre somar o maior número de pontos possível para a equipe. Vamos lutar até a metade da corrida e esperar para ver como será o final”, comentou o melhor representante do Paraná no grid.

Companheiro de equipe de Campos, o amazonense Antonio Pizzonia partirá em 13º. Ele foi um dos destaques do Q1, ao fechar a sessão na quinta posição, mas acabou ficando pelo caminho na segunda parte. “Conseguimos melhorar bastante o carro em relação ao treino livre da manhã. Eu estava confiante em entrar no Q3, mas infelizmente perdi muita aderência na traseira do carro do Q1 para o Q2, mesmo sem termos mexido em absolutamente nada no carro, o que é um pouco estranho. Agora vamos pensar com calma em como deixá-lo bom para a corrida e tentar ir para a frente”, analisou.

Uma novidade introduzida a partir desta etapa poderá influenciar o resultado da prova, que terá duração de 40 minutos mais uma volta, reabastecimento obrigatório entre as voltas 15 e 20 e a troca de ao menos dois pneus. Até minutos antes da largada, os internautas poderão escolher pelo site oficial www.stockcar.esp.br os pilotos que receberão uma carga adicional no botão de ultrapassagem. Essa força extra será destinada aos seis mais votados pelos torcedores.

Os melhores do grid:

1 – Daniel Serra (RC), 1min18s538

2 – Thiago Camilo (Ipiranga/A. Mattheis), 1min18s754

3 – Marcos Gomes (Cimed), 1min18s760

4 – Felipe Fraga (Cimed), 1min19s065

5 – Julio Campos (Prati-Donaduzzi), 1min19s103

6 – Ricardo Maurício (RC), 1min19s195

7 – Cacá Bueno (Cimed)

8 – Max Wilson (RCM)

9 – Diego Nunes (Hero Motor Sport)

10 – Gabriel Casagrande (Vogel)

11 – Átils Abreu (Shell)

12 – Ricardo Zonta (Shell)

13 – Antonio Pizzonia (Prati-Donaduzzi)

14 – Valdeno Brito (Eisenbahn Racing)

15 – Lucas Foresti (Full Time)

VAVEL Logo