Após vitória no GP do Azerbaijão, Pérez elogia Verstappen e Red Bull
Sérgio Pérez após vencer o GP Azerbaijão 2021 (F1 / Divulgação)

O louco GP Azerbaijão 2021 teve Sérgio Pérez como vencedor. Largando na sétima posição, o mexicano se aproveitou do bom rendimento do carro da Red Bull e de uma série de ocorrências na corrida nas ruas de Baku, capital do país, neste domingo (06).

A sexta corrida da temporada da Fórmula 1 2021 teve duas batidas bem fortes: Lance Stroll e Max Verstappen, quando o holandês liderava com relativa tranquilidade a prova. E, na visão de Checo, o companheiro merecia a vitória. "Estou muito, muito feliz por hoje. Normalmente, Baku é uma doideira. Em primeiro lugar, devo dizer que Max fez uma corrida tremenda e ele realmente merecia a vitória. Teria sido incrível conseguir aquele 1-2 para a equipe. Mas, no final das contas, é um dia fantástico para nós", declarou.

Pressão

Além das batidas, outro grande evento da corrida foi a relargada após o acidente de Verstappen. Lewis Hamilton ultrapassou Pérez, que recuperou a posição após o britânico não conseguir frear e passar reto na primeira curva do circuito. Checo falou da dificuldade que teve durante a prova. "Estávamos com problemas no carro, mas felizmente conseguimos terminar a corrida. Foi muito difícil até o fim. Tive a pressão do Hamilton desde o início e, depois, na relargada. Ele fez uma boa corrida e tentei segurá-lo o máximo que podia. Eu tenho confiança em mim e na equipe", finalizou.

A próxima corrida do calendário será o GP França 2021, no autódromo de Paul Ricard. A sétima prova da competição será disputada no dia 20 de junho.

VAVEL Logo