Com gol de Walcott, Arsenal vence e volta ao G4
Walcott marcou, o único gol da partida, logo aos 20 segundos

O já rebaixado Queens Park Rangers recebeu nesse sábado (04) o Arsenal, quarto colocado, no Loftus Road, e por pouco não tirou pontos importantes do rival londrino na briga pela Champions League.

O time de Arsene Wenger, retornou, com a vitória, à zona de classificação à UEFA Champions League 2013/2014 – havia saído após a vitória mais cedo do Tottenham – graças a um gol de Theo Walcott. Os Gunners agora voltam a campo no próximo domingo (11) contra o Wigan, 18º colocado, no Emirates. Já o QPR, recebe o Newcastle no penúltimo jogo da temporada.

Gol aos 20 segundos e Szczesny garantem os três pontos

O jogo começou perfeito para os Gunners, vinte segundos e já 1x0. Walcott marcou, após passe de Arteta. Foi o 20º gol de Walcott na temporada, primeira vez que ele alcança tal marca na carreira, e o gol mais rápido da atual edição da Premier League. Aos 25 minutos, Walcott quase aumentou sua marca. Depois de jogada de Rosicky o atacante acertou a trave.

Após momentos domínio do Arsenal, o QPR começou a equilibrar o jogo e chegar mais perto do gol defendido pelo Szczesny. Os donos da casa terminaram o primeiro tempo com mais finalizações que os rivais, sete contra quatro dos Gunners. Mas, mesmo com o equilíbrio estabelecido e, até, certo domínio do time de Harry Redknapp, o jogo foi para o intervalo com 1x0 para o Arsenal.

No segundo tempo, o QPR voltou melhor, tentando buscar o empate. Aos 8 minutos, Townsend chutou forte de fora da área e quase empatou o jogo. O Arsenal estava perdido em campo, não atacava mais e se via pressionado por um time já rebaixado.

Somente aos 20 minutos do segundo tempo - 20 minutos de pressão do QPR -, o Arsenal voltou a ser ofensivo, a marcar mais a frente e criou uma chance com o espanhol Cazorla, que bateu forte da entrada da área para defesa do goleiro Green. Cinco minutos depois o Arsenal chegou de novo, desta vez com Walcott, que obrigou o goleiro a fazer grande defesa, após chute rasteiro no canto, jogando a bola pra escanteio.

Aos 82 minutos, quem teve que trabalhar foi Szczesny, o goleiro do Arsenal parou a melhor chance de gol criada pelo QPR, chance que veio de um belo chute de Remy da entrada da área, e garantiu os três pontos para os Gunners.

VAVEL Logo