Em partida disputada, Wolfsburg vence e é semifinalista da DFB-Pokal
Rodríguez comemora seu segundo gol na partida (kicker.de)

Nesta quarta-feira, 12, tivemos a esxtensão da fase quartas de final da DFB-Pokal, a Copa da Alemanha. Na Rhein-Neckar Arena, o Hoffenheim recebeu a equipe do Wolfsburg, e acabou sendo derrotado. A vitória do Wolfsburg por 3-2, deixa o Hoffenheim pensando apenas em como melhorar a sua décima primeira colocação na Bundesliga, enquanto o Wolfsburg ainda sonha com algum título na temporada.

Hoffenheim castigado

A partida começou com o Hoffenheim melhor na partida, buscando mais o jogo, o primeiro gol poderia ter saído logo no início, quando Roberto Firmino recebeu em posição legal, e ficou frente a frente com Benaglio, mas o assistente assinalou o impedimento.

Os primeiros quinze minutos foram marcados por faltas, e um jogo muito estudado, concentrado no meio-campo. A equipe do Hoffenheim conseguia dar suas "escapadas " ao ataque dos Lobos. A primeira chegada mais perigosa do Wolfsburg ao ataque aconteceu aos 17 minutos, onde Rodríguez cobrou escanteio, e Perisic cabeceou rente ao poste do goleiro Casteels.

As investidas do Hoffenheim começaram a se intensificar, e aos 22' Firmino tem a oportunidade de ficar cara a cara com Benaglio novamente, agora o goleiro se saiu melhor mandando a bola para escanteio.

O castigo veio: aos 25', de Bruyne chega até a área, e é derrubado por Vestergaard, pênalti que Rodríguez bateu, e converteu. Sem chances para Casteels. Wolfsburg liderara a partida por 1-0.

O gol anotado pelo Wolfsburg assustou a equipe do Hoffenheim, que se não fosse o goleiro Casteels, levaria mais um gol: de Bruyne, pela esquerda, rompe a defesa, corta pro meio e arremata, o arqueiro espalma, e a bola encontra a linha de fundo.

Aos 37' veio o empate: depois de muita insistência, o Hoffenheim chegou ao empate: passe errado no campo de defesa do Wolfsburg, e Firmino recuperou a bola na esquerda, cortou Naldo e finalizou, a bola acaba desviando em Knoche, e deixa Benaglio sem chance alguma: 1-1.

O Wolfsburg se atirou ao ataque, não mediu consequências, e foi premiado: 41' Ricardo Rodríguez dispara pela esquerda, e, dentro da área, foi derrubado por Süle. Novamente, pênalti para o Wolfsburg, e Rodríguez novamente foi pra bola, cobrou alto, tirando do goleiro. 2-1.

Segunda etapa polêmica e novamente com gol brasileiro

Na segunda etapa, as equipes se lançaram para frente, criando boas oportunidades, o Hoffenheim, até pela necessidade do resultado, foi quem mais atacou nos primeiros 10 minutos. Boas chances criadas por Volland, Frimino e Elyounoussi.

Aos 63', o jogo estava pegando fogo, chances para ambos os lados, muitas faltas, e Wolfsburg fez o terceiro: Perisic recebe, e cruza rasteiro para Dost, que livre na área, completou e fez o terceiro gol dos Lobos.

No minuto 71, Rodríguez se desentende com o adversário, reclama rispidamente com Peter Gagelmann, e seu auxiliar,recebe o segundo amarelo, e acaba sendo expulso. Com 10, o Wolfsburg viu o Hoffenheim partir pra cima, mas Schipplock perdeu grande oportunidade, e acabou "desanimando" a equipe do Hoffe.

No apagar das luzes, escanteio cobrado pelo Salihovic,e Firmino, de cabeça,marcou e incendiou a partida. Os azuis ainda tiveram mais uma chance com Firmino, mas Benaglio foi melhor, e fez a defesa. A partida terminou com vitória dos Lobos.

A equipe do Wolfsburg acabou se segurando, manteve o resultado, e conseguiu sua classificação para a fase semifinal da Copa da Alemnha, um sorteio será realizado para a definição do adversário: FC Bayern/Hamurgo; Bayer Leverkusen/Kaiserslautern, e o já classificado Borussia Dortmund podem ser os choques possíveis para os Lobos nas semifinais.

VAVEL Logo