Lewandowski marca seu centésimo gol pelo Borussia Dortmund
Lewandowski mostra número "100" em sua camisa térmica para a Muralha Amarela (Foto: Divulgação/Borussia Dortmund)

O Borussia Dortmund venceu o Wolfsburg por 2 a 0 e se classificou pela sexta vez na história à final da DFB-Pokal. Os gols de Henrykh Mkhitaryan e Robert Lewandowski decidiram o jogo em momentos em que os lobos eram melhores na partida e deram tranquilidade para o time do Vale do Ruhr segurar o resultado.

O primeiro deles, marcado por Mkhitaryan, foi a injeção de confiança que o jogador armênio contratado por 27 milhões de euros, valor mais caro pago pelo BVB na história, para fazer mais uma ótima partida. O jogador havia perdido três incríveis gols na partida contra o Real Madrid pela UEFA Champions League, que resultou na eliminação do clube aurinegro da competição europeia. Ele também estava sendo contestado por parte da torcida pelo valor pago e pelas fracas atuações.

Já o segundo gol, ao final do segundo tempo, foi um momento especial para o atacante Lewandowski. O polonês marcou seu centésimo gol em competições pela equipe aurinegra, ao comemorar o tento, ele mostrou em sua camisa térmica debaixo do uniforme, o número “100”. O jogador foi substituído antes do fim do jogo por ter sentido uma lesão na coxa devido a uma disputa de bola.

Para Sebastian Kehl, Borussia Dortmund teve “sorte”

O resultado de 2 a 0 construído ainda no primeiro tempo pode parecer que o time aurinegro teve facilidade durante o jogo, entretanto, quem assistiu à partida, sabe que a situação foi diferente do que o placar pode sugerir. O Borussia Dortmund venceu por que foi o time mais eficiente. A equipe do Wolfsburg perdeu muitas chances, principalmente com os belgas Malanda e de Bruyne. Para o capitão aurinegro Sebastian Kehl, o time teve sorte em não ter sofrido gols, mediante à quantidade alta de chances de gols desperdiçadas pelos lobos. “Se você olhar isso objetivamente, você percebe claramente que em um ou outro lance fomos um pouco sortudos.”, disse o capitão após o jogo. “Wolfsburg teve bastante chances, mas por algum motivo eles não conseguiram marcar um gol. Treinamos muito nas últimas semanas situações de jogo para aproveitar poucas chances que temos.”.

Para Mats Hummels, zagueiro aurinegro, apesar da dificuldade defensiva, o time se portou muito bem: “Apesar do 2 a 0, foi bastante duro. Fomos sortudos que Wolfsburg não conseguiu marcar apesar de terem tentado bastante. Eles tiveram muitas boas chances. Eu posso concluir que nesses dois jogos que disputamos contra o Wolfsburg é que tivemos muita sorte. Estamos felizes de estarmos classificados para a final.”.

No próximo sábado, o Borussia Dortmund enfrenta o Mainz 05 pela 31ª rodada da Bundesliga, no Westfalenstadion.

VAVEL Logo