Fique de olho: Ezequiel Garay, zagueiro da Argentina

O sistema defensivo da Argentina sempre foi um dos setores mais pontuados pela crítica, às vésperas da Copa do Mundo. Um dos nomes que tinham o maior respaldo era o do zagueiro Ezequiel Garay, de 27 anos. No Mundial, assim como todos os defensores albicelestes, Garay tem tido muito trabalho, e por vezes mostra alguma dificuldade quando enfrenta adversários rápidos, mas tem demonstrado firmeza no jogo aéreo e personalidade, além de apresentar clara evolução a cada partida.

O defensor é mais um da legião de rosarinos do time argentino, tendo sido revelado pelo Newell's Old Boys, clube do qual é torcedor declarado. No rojinegro rosarino, Garay estreou em 2004, revelado por Américo Gallego, às vésperas da consagração de La Lepra como campeã do Apertura daquele ano. No período em que jogou no clube do coração, Garay marcou apenas um gol. Mas não fora qualquer tento, e sim o da vitória em um clássico contra o Rosario Central, na 9ª rodada do Apertura 2006.

Àquela altura, Garay já tinha uma reputação bastante sólida nas seleções de base da Argentina, tendo disputado os Mundiais Sub-17 de 2003, e Sub-20 de 2005, sendo titular na final e campeão no torneio onde Messi fez sua primeira grande aparição com a camisa albiceleste. Na metade do ano seguinte, Garay já estava assinando seu primeiro contrato com clube europeu, no caso, o Racing Santander (ESP). Foram 3 temporadas n'El Sardinero, onde confirmou o bom potencial mostrado na Argentina - fora o defensor que mais marcou gols no futebol europeu na sua temporada de estreia - e despertou o interesse de um gigante: o Real Madrid.

Aos 21 anos, o zagueiro era adquirido pelos Merengues pelo montante de 10 milhões de euros - um excelente valor para um jovem defensor. Para agregar maior experiência, Garay foi emprestado ao próprio Racing por mais uma temporada, já que os santanderinos jogariam, entre outras competições, a Uefa Europa League. Mas foi na seleção olímpica argentina que Garay mostrou seu valor, sendo titular do time campeão olímpico em Pequim e se valorizando para finalmente debutar com a camisa do Real Madrid na temporada seguinte.

Só que no Santiago Bernabéu as coisas não aconteceram como era esperado. Na temporada 2009/2010 ele até teve certa regularidade, atuando em boa parte dos jogos, mas como o desempenho não condizia com as expectativas, ele foi sendo escanteado aos poucos, sobretudo depois da chegada do técnico português José Mourinho. Com o mal desempenho no futebol espanhol, Garay acabou sendo esquecido pelo técnico Diego Maradona, que sucedeu Alfio Basile na seleção da Argentina - Coco já havia convocado Garay para a seleção principal em algumas oportunidades, ainda em 2007.

Em 2011, com a chegada de Sergio Batista à Albiceleste, voltou a ser lembrado e foi chamado para a disputa da Copa América 2011 em seu país, porém sem entrar em campo. Após a disputa continental, Garay teve metade do seu passe negociado com o Benfica, por 5,5 milhões de euros. Era a chance que o zagueiro de 1,92m precisava para finalmente explodir na carreira. E Garay a agarrou com unhas e dentes, se consolidando como um dos principais jogadores do time encarnado nas três temporadas seguintes, além de tornar-se homem de confiança de Alejandro Sabella, que substituiu Batista no comando da seleção.

Ficha Técnica
Nome Ezequiel Marcelo Garay Fernández
Data de Nascimento 10 de outubro de 1986
Idade 27 anos
Altura 1,86m
Peso 81kg
Clube Zenit St. Petersburg (RUS)
Contrato até 30 de junho de 2019

Campeão de quase tudo em Portugal e transferência para a Rússia

Na última temporada, Garay foi titularíssimo em todas as competições disputadas pelo Benfica, tanto no âmbito nacional, quanto internacional. Os portugueses bateram na trave para se classificar para o mata-mata da Uefa Champions League, mas puderam disputar a Uefa Europa League, onde terminaram invictos, só perdendo a final para o Sevilla na decisão por pênaltis.

Se fora do país o Benfica ficou no quase, dentro de casa os Encarnados levaram tudo. O clube de Lisboa conquistou a "Tríplice Coroa", vencendo a Liga Portuguesa, a Taça de Portugal e a Taça da Liga portuguesa. Após o final da temporada, já em meio a Copa do Mundo, o Zenit St. Petersburg anunciou a contratação de Garay, pagando 6 milhões de euros pela parte que cabia ao clube português do passe do zagueiro, que espera chegar à Rússia com o status de campeão mundial.

Garay foi um dos líderes do Benfica que conquistou a Tríplice Coroa portuguesa (Foto: Reprodução/LusoGolo)
Números pelo Benfica em 2013/2014
Competição Partidas Gols Assistências CA CV Minutos jogados
Liga BWin 27 6 0 3 0 2424
Taça de Portugal 5 0 0 1 0 480
Taça da Liga 3 0 0 0 0 233
UEFA Champions League 6 0 0 0 0 540
UEFA Europa League 8 2 0 0 0 720
Total 49 8 0 4 0 4397
VAVEL Logo