Boca Juniors vence Banfield no primeiro jogo pós-greve do futebol argentino
O Boca Juniors enfrentará o Talleres pela próxima rodada (Foto: Divulgação/Boca Juniors)

Na noite deste sábado (11), ocorreu a partida entre Banfield e Boca Juniors pela primeira rodada pós greve do Campeonato Argentino.

A greve dos jogadores decorreu pelo atraso do salário das equipes da série B argentina e após o “paro”, como dizem os argentinos, o campeonato pode enfim seguir com os seus jogos.

Pela 15º rodada, o Boca Juniors viajou até o sul de Buenos Aires para enfrentar a equipe do Banfield e com dois gols de Benedetto, a equipe de visitante saiu com a vitória.

A equipe Xeneize rendeu preocupações ao técnico Guillermo Schelotto, pois havia perdido algumas partidas amistosas anteriormente, já a equipe do Banfield vinha de uma melhora durante o campeonato, antes dessa partida eram cinco jogos sem derrota, o que deixou a equipe em quarto na competição.

Benedetto abre o placar e Boca mantém o resultado 

Como todo bom jogo de equipes argentinas, a torcida se fez presente e desde o primeiro segundo de partida, já era possível ouvir os gritos e canções das hinchadas.

A primeira grande chance saiu dos pés de Cvitanich para o lado dos donos da casa. O atacante recebeu a bola, invadiu a área e na hora de finalizar teve o chute desviado, quase que sai o primeiro gol da partida aos oito minutos de jogo.

O jogo parecia estar equilibrado, porém grandes chances só para o lado do Banfield, aos 14 minutos outra vez Cvitanich. O atacante dessa vez chegou a balançar as redes e sair para comemorar, porém o juiz anulou o gol, alegando impedimento do lance.

A equipe bostera então reagiu e no minuto seguinte, armou contra-ataque pelo lado esquerdo com Fabra, o jogador passou no meio de dois jogadores adversários, então cruzou em direção ao gol, do fundo veio Benedetto que somente empurrou para o fundo das redes, abrindo o placar no estádio Florencio Sola.

O jogo estava pegado, aos 19 minutos parecia ser a revanche dos donos da casa e após um chute de Spedurtti, o goleiro Rossi fez uma defesa incrível, salvado a equipe azul y oro do gol de empate.

O El Taladro não se intimidava pelo barulho que fazia a La 12, e após cobrança de escanteio a bola passou por todo mundo e saiu, por pouco não sei o empate.

No final do primeiro tempo, Fabra mandou um cruzamento até o meio da área, mas Soto desviou a bola pra escanteio.

Final de primeiro tempo, Boca Juniors na frente do placar.

Benedetto marca mais um e Boca Juniors vence o jogo

O início do segundo tempo já começou quente para os visitantes, logo aos quatro minutos, Benedetto invadiu a área, mas na hora de finalizar ficou sem ângulo e mandou mal.

No minuto seguinte, quem teve a chance foi Gago, o camisa cinco do Boca mandou uma bomba e Arboleda realizou uma defesa dificílima.

Aos 16 minutos, a jogada começou com Gago, passou por Bentancur e Benítez que fez sua estreia com a camisa azul y oro finalizou no gol, mas estava impedido.

Por falar em Benítez, o jogador entrou no lugar de Centurión que saiu com dor no ombro e preocupara para os próximos jogos.

Faltava pouco para o segundo gol do Boca, e o gol saiu dos pés de Benedetto mais uma vez. Em um lance parecido como o do primeiro gol, Barrios cruzou e Benedetto veio do fundo só para empurrar para as redes.

O jogo seguiu morno, o Boca administrando o resultado, aos 43 minutos, Cvitanich finalizou bem e quase diminuiu o placar para o Banfield, mas mandou para fora.

Sebastian Pérez entrou no lugar de Barrios aos 42 minutos e aos 47 minutos após falta em um jogador adversário, Pérez esticou o braço em direção ao rosto do jogador do El Taladro, o árbitro entendeu como proposital e deu um cartão vermelho para o jogador.

A partida terminou assim, com dois gols de Benedetto o Boca Juniors se manteve na liderança do campeonato, enquanto o Banfield caiu para a quinta posição.

VAVEL Logo