Liverpool e Crystal Palace se enfrentam em busca da primeira vitória no inglês

Animado com a vitória na partida de ida do playoff da Uefa Champions League, o Liverpool fará seu primeiro jogo em Anfield diante do Crystal Palace em duelo válido pela 2° rodada da Premier League neste sábado (19) às 11h. 

O time da casa ainda não contará com Lallana e Clyne lesionados. Philipe Coutinho também está com dores nas costas e sequer será relacionado para a partida. O meia brasileiro ainda vive impasse diante de sua negociação com o Barcelona. O Liverpool rejeitou a terceira oferta do clube catalão nesta sexta-feira (18) de 118 milhões de libras, provavelmente fechando a porta para um acordo.

Na rodada de abertura na semana passada, Liverpool e Watford fizeram um duelo eletrizante, resultando em um 3 a 3 com o clube scouser sofrendo o gol de empate nos acréscimos. Já o Palace foi goleado em casa por 3 a 0 contra o Huddersfield Town, estreante na elite do futebol inglês.

Já o Palace tem em Zaha e Wickham os principais desfalques para o duelo no nordeste inglês. O Liverpool tornará a jogar em casa após reforma feita no gramado de Anfield, fato que impossibilitou que os reds atuassem em casa na primeira rodada. 

Klopp comentou sobre janela de transferências

Em meio a saída ou não de Coutinho, a preparação no Liverpool segue incessante. Se o camisa 10 não está a disposição de Jurgen Klopp, o 15 está de volta. Daniel Sturridge voltou a treinar e estará na lista do alemão para o jogo em Anfield. Sem trazer reforços no setor, o atacante da seleção inglesa ainda mantém importância no elenco.

E a janela de transferências segue na cabeça do comandante alemão. Em entrevista coletiva, Klopp enfatizou em relação a ida do Liverpool ao mercado. "É claro que nós pensamos [sobre] o que podemos fazer, mas se a janela de transferência tivesse terminado ontem, já teríamos um time que eu gosto e com o qual podemos jogar futebol. A janela de transferência é um momento muito importante, sem dúvida, mas também é importante o que fazemos com a equipe atual. Veremos o que acontece."

O treinador também comentou sobre o duelo contra o Palace, mencionando o fator dificuldade que encontrará em campo: "Jogamos contra o Crystal Palace há algumas semanas. Sabemos que é um jogo difícil, provavelmente ambas as equipes não ficaram felizes com o desempenho no primeiro confronto [na pré-temporada] mas foi como um primeiro jogo pode ser, há coisas para melhorar", enfatizou.

De Boer mostra otimismo apesar dos resultados

Nem de longe o desempenho foi o esperado. Em pleno Selhurst Park, o Crystal Palace foi dominado para o Huddersfield Town e ficou marcado como um dos piores desempenhos da primeira rodada. As lembranças também não são das melhores. Há um mês, no dia 19 de julho, o Liverpool derrotou o Palace por 2 a 0 pela Premier League Asia Trophy, realizado em Hong Kong.

Mas, tudo isso pode ser esquecido, de acordo com o comandante Frank de Boer. Em coletiva na sexta-feira (18), o holandês mostrou segurança para novos desempenhos na temporada, começando já contra os reds. "A força deste clube é que os fãs são muito solidários com a equipe e eles sabem que tudo não vai mudar em um dia, já que tudo leva tempo. Tomamos algumas coisas muito positivas da partida no final de semana passado e tivemos algumas chances durante o jogo, mas podemos fazer muito melhor e, espero, isso vai mudar para nós muito em breve ".

De Boer ressalta a dificuldade de se jogar na Premier League. "A Premier League é tão competitiva que você tem que trabalhar duro como equipe para obter um resultado, porque se você não for  bem, será punido. Os jogadores não querem usar o novo sistema como uma desculpa e acho que todo mundo entende o que nós queremos, mas temos que executá-lo melhor ".

VAVEL Logo